Asacine promove XI Festival Acreano de Vídeo; evento terá início no próximo dia 26

Dell Pinheiro

Será realizado de 26 a 30 de setembro, às 19h, no Theatro Hélio Melo, Centro de Rio Branco, o XI Festival Acreano de Vídeo 2020. A ação cultural é realizada pela Associação Acreana de Cinema (Asacine). Neste ano, em decorrência da pandemia do novo coronavírus, o evento, com entrada gratuita, terá um público reduzido, com 30% de lotação.

“Serão cinco dias de programação voltadas ao cinema, sempre no mesmo horário. Esse é um projeto financiado pelo Fundo Municipal de Cultura, por meio da Fundação Garibaldi Brasil (FGB). Temos apoio também Fundação Elias Mansour (FEM), governo do Estado e Academia Acreana de Letras (AAL)”, salientou Enilson Amorim, um dos organizadores do evento.

Ele também comentou que a expectativa para o festival é boa, embora que haja uma redução no número de telespectadores.  “Evidentemente, que com os decretos lançados pelo governo e pela prefeitura de Rio Branco, faremos um evento diferenciado este ano. Vamos ter que tomar os devidos cuidados com a higienização das mãos com álcool em gel e com a utilização de máscara pelo público”.

Amorim falou sobre as oficinas que serão ministradas. “Teremos duas oficinas que serão ministradas pelo cineasta Adalberto Queiroz e outra por mim. A primeira é sobre técnicas básicas do cinema, que terá início na terça-feira, 29, das 8h30 às 11h30. No mesmo dia, à tarde, terá uma palestra sobre a breve história do cinema acreano, com o cineasta Ney Ricardo, que começará às 15h com término às 17h. Ministrarei também uma oficina intitulada: Introdução a Animação, que começa no dia 28, às 8h e terminar as 11h30, todas no Theatro Hélio Melo”, finalizou  o historiador e artista plástico.

 

 

 

Mais Lidas