Goleiro Bruno terá que usar tornozeleira eletrônica

Da Redação

Bruno Fernandes, atual goleiro do Rio Branco, terá que usar tornozeleira eletrônica. A decisão foi tomada pelo juiz da Vara de Execuções Penais, Hugo Torquato. Mesmo em liberdade, o atleta cumpre pena em regime semiaberto, acusado pelo assassinato da modelo Eliza Samúdio, de 25 anos, em junho de 2010.

Em entrevista a um site local, Torquato ressaltou que Bruno deve cumprir todas as medidas imposta pela Justiça.

“O que algumas pessoas não entendem é que o reeducando Bruno Fernandes ainda não cumpriu sua pena. Ela foi condenado há mais de 20 anos de prisão e só cumpriu 10 até agora. Ele tem mais de 10 anos ainda para cumprir. Neste momento ele está no regime semiaberto e os reeducandos do Acre, nesta condição, usam tornozeleira eletrônica”, ressaltou o promotor.

 

 

 

Mais Lidas