Projeto de Lei viabiliza apoio da gestão municipal no tratamento de pessoas com limitações físicas e autistas, por meio da equoterapia

Da Redação

Foi aprovada na Câmara e sancionada pelo executivo municipal, Projeto de Lei de autoria do vereador Mamed Dankar (PROS), que viabiliza o apoio da prefeitura da capital no tratamento de pessoas com limitações físicas e autistas, por meio da equoterapia, um dos métodos terapêuticos que utiliza o cavalo para ajudar no desenvolvimento motor e intelectual de pessoas com deficiência, ou com algum tipo de necessidade especial.

Na sexta-feira, 4, Dankar se reuniu com a secretária municipal de Saúde, Jesuíta Arruda da Silva, com a presidente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) em Rio Branco, Cecília Lima e com assessores técnicos, para que se torne viável a atuação de profissionais de fisioterapia com o público que necessita desse tipo de atendimento.

“Esse foi um projeto construído com familiares de pacientes e com profissionais de um dos ranchos que realiza esse atendimento. Queremos que o tratamento passe a ser realizado o mais breve possível, pois, com a pandemia, muitos podem até regredido seus movimentos e trabalho que estavam sendo feitos antes do isolamento. É claro que também dará a possibilidade de que outras famílias de baixa renda possam usufruir desse atendimento”, ressaltou o vereador.

 

 

 

Mais Lidas