Projeto Natal sem Fome quer alcançar 300 famílias esse ano

O projeto solidário Natal sem Fome, há seis anos contemplado famílias carentes em Rio Branco, deve alcançar um recorde neste Natal: alcancar 300 famílias. Segundo o fundador do projeto, Rogério Rodrigues, essa é uma meta audaciosa. “Queremos 300 famílias carentes com comida na mesa para sua ceia em família esse ano”, diz ele.
O projeto foi criado em 2013, quando seu idealizador recebeu uma cartinha de uma senhora, cujo nome é mantido em sigilo até hoje, que dizia: “senhor Rogério, eu não quero dinheiro e gostaria que o senhor pudesse me alegrar com uma cesta básica assim eu teria algo pra comer na ceia com meus 7 filhos”. A carta mexeu com os brios, afirma Rogério. “Fomos lá e vimos a dificuldade que a família vivia. Doamos quatro sacolões e brinquedos para os filhos. Desde então não paramos mais”, conta.
Uma outra razão não menos humana ajudou a bombar o projeto Natal sem fome. “Eu passei muita fome na infância e sei o quanto isso é ruim. Acredito em um Brasil melhor que irá possibilitar dias melhores para todos e promovendo esse trabalho, é uma forma de chamar a atenção do estado e município”, disse, lembrando que o Natal sem Fome não tem qualquer tipo de relação com a política partidária, mas que pode receber doações de políticos. Daqueles que não visam votos com a boa ação.

Mais Lidas