Bocalom diz que mantém volta às aulas mesmo com as críticas

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (Progressistas), disse ao Acrenews na manhã desta quinta-feira, 21, que está mantida a decisão de volta às aulas presenciais, apesar das críticas que tem recebido nas redes sociais e de algumas lideranças políticas. Ele disse que vai seguir a tendência de países da Europa, do Japão, que já mandaram seus alunos para a sala. “Filho essa é a tendência dos países ricos, porque só nós, os países pobres, temos que continuar a aula remota. A gente não pode basear decisão em críticas”, afirmou.
O prefeito Bocalom esclareceu mais: os alunos que vão voltar para a sala de aula são os do quinto ano. Eles precisam estudar para serem entregues para o Estado onde vão cursar o ensino médio. “Os demais alunos vão continuar estudando remotamente”, diz o prefeito.
Bocalom diz que respeita muito as críticas, principalmente aquelas que vem em tom construtivo, mas algumas são mais de caráter político, de aproveitamento. Animado com o início ainda que bem pouco da vacinação, o prefeito sonha com a normalidade para a vida voltar a fluir e os projetos que ele sempre sonhou sejam colocados em prática de uma vez por todas.

Mais Lidas