PF realiza operações no Acre para pegar fraudadores do fundo emergencial

 

A Polícia Federal cumpriu na manhã desta sexta-feira (15) dois mandados de busca e apreensão contra supostos fraudadores do auxílio emergencial no estado. Os mandados foram cumpridos na cidade de Cruzeiro do Sul, no interior do Acre.
Segundo a PF, as medidas são parte da Estratégia Integrada de Atuação Contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial (EIAFAE), da qual participam a Polícia Federal, o Ministério Público Federal (MPF) o Ministério da Cidadania (MCid), a Caixa, a Receita Federal (RF), a Controladoria-Geral da União (CGU) e o Tribunal de Contas da União (TCU). O objetivo é identificar a ocorrência de fraudes massivas e desarticular a atuação de organizações criminosas.

Tentativas de cadastramento irregulares para recebimento do benefício são processadas dentro de ferramentas criadas pela Polícia Federal para identificar a atuação de organizações criminosas e conjuntos de fraudes estruturadas.
A PF informou ainda que que todos os pagamentos indevidamente realizados são objeto de análise. O órgão, por isso, orienta que seja feita a devolução dos valores, sob pena de o solicitante virar objeto de investigação criminal.
Durante os trabalhos, a PF conseguiu ainda recuperar uma moto roubada que estava na casa de um dos suspeitos.
Com informações da assessoria de imprensa da PF no Acre

Mais Lidas