COLUNA DO EVANDRO – Todas as tentativas de isolar o Gladson falharam até aqui

O governador Gladson Cameli (Progressistas) está praticamente só. Pelo menos quase todos os políticos que estavam em sua órbita até 2019 deram uma afastada legal. Mais não vão demorar, aposto uma Coca-Cola. Os cenários criados na cabeça deles não eram reais. O povo, dizem os números, prefere o Gladson. Então o governador está só entre aspas.

No meio do povo
Eu estive acompanhando de longe o Gladson Cameli nos becos do Parque das Palmeiras, o bairro mais atingido pela cheia do igarapé Batista. O povo pediu pra fazer selfie com ele no meio da lama.

Inimigo interno
Estava todo mundo esperando como adversário do governo o Edvaldo Magalhães (PCdoB), da Perpétua Almeida (PCdoB), do Daniel Zen (PT), mas os opositores buiaram de dentro.

Ansiedade
Eu entendi o vereador Arnaldo Barros (Podemos) ter apresentando uma lei para a criação do “pipódromo”, um lugar para soltar pipa, em plena alegação. Isso se chama transtorno de ansiedade. Ele lutou muito para ser vereador. Agora quer fazer tudo de uma vez.

Não sei, oh
O ex-vereador Valdimar Jardim, de Sena Madureira, me ligou para perguntar porque o Valtim José, principal homem do prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (Progressistas), não foi nomeado ainda. Pedi que ele se informasse lá no posto Ipiranga.

Saiu a nomeação do homem
Não terminei de responder o Valdimar Jardim ja vi no Diário Oficial desta quinta-feira, 11, a nomeação do Valtim José. Virou chefe de gabinete do prefeito Bocalom.

Acordo de paz
Dizem que os vereadores de Sena Madureira se reuniram esses dias e fizeram um acordo. Não brigar com o prefeito Mazinho Serafim (MDB), desde que ele não faça o que fez há dois anos com o ex-vereador Josandro Cavalcante, que só não apanhou do prefeito porque baixou a cabeça.


Cadê o prefeito?
Quando voltar de Brasília o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (Progressistas), precisa tomar as rédeas de seu mandato. Começou a viralizar a resteg “cadê o prefeito”. Não pode, no início do mandato, não pode.

Sem refresco
Tião Bocalom também não terá refresco da Câmara Municipal, uma vez que ele peitou os vereadores, sugerindo uma relação com aquele poder que nunca deu certo em lugar nenhum do mundo. O vereador Hildegar Pascoal (PSL), por exemplo, já mostrou as presas pra ele nas primeiras sessões.

Fura-fila
Ou o governador Gladson Cameli e os prefeitos chamam a polícia para conter os famosos fura fila da vacina, ou vão pagar um preço. E alto. Pense em um assunto que anda criando nojo no meio do povão, é os ricos tomando a vacina primeiro.

Crescimento na crise
Uma das empresas que mais crescem no Acre é a Hoje Cosmétics. Tive acesso aos números. Não houve pandemia que parasse a empresa. Só não tive autorização do Edson, um ex-balconista de farmácia que virou dono dessa grande organização, para divulgar esses números.

Relação ruim
Ainda não é cem por cento a relação da nova Acisa com o governo. Hora eles trocam acenos, horas recolhem…

Vão ser esquecidos
Tem ex-prefeito que vai parar no ostracismo político a partir de agora, por uma razão óbvia: fizeram besteira atrás de besteira. Tem uns quatro ou cinco na lista.

Estágio duro
Os desastres naturais desse início de ano estão garantindo estágio forte para as defesas Civil de Estado e município de Rio Branco. O Major Cláudio Falcão, que coordena a da prefeitura da capital, disse à coluna que nos últimos dias dormiu umas 10hs estourando.

Belo início
Cheguei agora há pouco em Tarauacá. A primeira impressão é que a prefeita Maria Lucineia (PDT) está começando bem. Ouvi elogio até de quem não votou nela.

Ausência estranha
Ficou esquisito a bancada federal se reunir com o ministro da saúde, general Pazuello, sem a presença do governador Gladson Cameli.

Ciúmes
Ouvi de alguém em Brasilia que na verdade está correndo um ciúme sobre o governador pelo louro político que ele tá conseguindo no combate à pandemia.


Ratinho
Ex-prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro está tentando puxar no Acre o nome do governador do Paraná, Ratinho Júnior (PSD), como pré-candidato a presidente. Ainda não rolou.

Mais Lidas