Federacre realiza reunião com senador Marcio Bittar

O presidente da Federação das Associações Comercias e Empresariais estaduais do Acre (Federacre), Rubenir Guerra, convidou presidentes e representantes das associações comerciais dos municípios acreanos e prefeitos de algumas cidades para participar de reunião virtual com o senador Marcio Bittar (MDB/AC), na tarde da última sexta-feira, 12.

Na ocasião, foram explanadas pautas como auxílio emergencial e aos municípios afetados pelas cheias dos rios, políticas públicas para combate à dengue hemorrágica e à Covid-19, linhas de crédito acessíveis para empresários, melhoria de estradas e ramais, diminuição da burocracia e da carga tributária, valorização da produção e do comércio local, melhoria da comunicação digital nos municípios acreanos, entre outras.

Guerra falou sobre o papel da Federacre e dos anseios do empresário acreano. “Foi uma reunião proveitosa, pois os presidentes e representantes puderam interagir com o senador, um dos parlamentares de maior importância na atual conjuntura do Congresso. O fato de ser o relator do orçamento da União para 2021, nos colocou a par da atual situação e também norteou sobre ações que devem ser implementadas no estado e para onde serão canalizados os recursos”, explicou.

O deputado estadual Antônio Pedro também participou da reunião e falou sobre o posicionamento do Legislativo neste momento, que vem buscando alternativas amenizar a vida dos empresários. “Na Aleac criamos uma comissão que ficará responsável por ajudar os empresários, para somar forças nesse momento atípico, em que o comércio sofreu por estar muito tempo fechado”, afirma.

Já o presidente da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil – CACB, George Pinheiro, reconhece que colocar representantes de associações comerciais em contato com o poder público é uma maneira de incentivar, buscando melhorias para ao atual cenário. “Falamos sobre o impacto da pandemia no Acre e na região norte. O vírus tem causado grande prejuízo e é de grande importância buscarmos uma solução plausível para amenizar os danos causados a todos”, declara.

O senador Marcio Bittar explicou que a questão da conectividade nos municípios está sendo resolvida, que existe um orçamento canalizado para resolver a qualidade da conexão no estado. Já sobre o auxilio emergencial, disse que tentou de tudo para que fosse resolvido antes que terminasse o ano, pois seria importante que as pessoas iniciassem o ano com alguma segurança. Sobre o fechamento do comércio, explicou ser totalmente contra, pois milhares de brasileiros não possuem estabilidade financeira, e que a campanha feita por muitos é uma falsidade.

“A retomada da economia depende dos esforços dos empresários e de suas equipes. O fechamento do comércio gera falências, desemprego e miséria. Com os cuidados necessários, como uso de máscara, álcool em gel e distanciamento, evitamos o caos social. Reunir as boas ideias dos integrantes das associações comerciais e ouvir as sugestões dos demais segmentos é de fundamental importância pra chegarmos a um equilíbrio no enfrentamento dos efeitos desta crise”, declarou.

Além disso, o senador esteve reunido com o governador do Acre, Gladson Cameli, que informou que vai começar a flexibilizar a partir desta semana o funcionamento do comércio.

Outra pauta importante falada foi sobre a recuperação do igarapé São Francisco. De acordo com o parlamentar, já existe a garantia de um orçamento de R$ 50 milhões do ministro Ricardo Sales como fundo de garantia, uma obra importante do ponto de vista da saúde e do meio ambiente. “Esse alinhamento com governo federal é bom para nossa economia”, afirma.

Jader Costa, presidente da associação Comercial de Acrelândia, disse que a interação é importante para terem uma noção do que os espera neste novo momento.

“Vemos um grande esforço por parte da Federacre, em alinhar todas as associações com o governo e demais entidades representativas, a fim de minimizar os prejuízos causados pela pandemia, não só isso, mas como também o que nos aguarda no pós-pandemia. Existe uma conta a ser paga, então é muito importante essa interação com o senador, que é relator de todo orçamento da união em 2021, e ouvir da boca do parlamentar os caminhos que teremos que traçar, entender um pouco mais o que está acontecendo, troca de experiência e ideias”, finaliza.

A Federacre vem lutando pela criação e construção das associações comerciais nos 22 municípios do estado. A entidade é uma sociedade simples, composta de outras associações comerciais.

Fonte: Federacre

Mais Lidas