Connect with us

POLÍTICA

Ao ver jornal francês escrever sobre a Lava-jato, Sibá Machado relembra: “Apanhei que nem galinha”

Publicado

em

Da redação do Acre News / Foto: Reprodução

“Em 2015, ‘apanhei que nem galinha para deixar a chocadeira’… Por ter denunciado as ações da CIA na Lava-jato”. As aspas são do ex-deputado federal e ex-senador do Acre, Sibá Machado, publicadas neste domingo (11) no Twitter, ao compartilhar uma reportagem de jornal europeu falando sobre a “Operação Lava-Jato” e possível influência da CIA no processo que prendeu o ex-presidente Lula e até tirou do poder A primeira mulher a se tornar presidente do Brasil.

À época, Sibá virou ‘chacota’ nacional por especular a participação de nada mais, nada menos que a Agência de Investigação Norte-Americana no impeachment de Dilma Rousseff e na prisão do ex-presidente Lula.

No último final de semana, o Jornal Le Monde publicou uma extensa reportagem assinada pelos jornalistas Nicolas Bourcier e Gaspard Estrada, acusando Governo dos Estados Unidos de influenciar na “operação” que engrandeceu o nome do ex-juiz Sérgio Moro.

No início do texto, o jornal diz acreditar que a Lava Jato estava obcecada em bloquear o PT. O Le Monde indicou que, por meses, fez “investigações, entrevistas e pesquisas” para entender os acontecimentos envolvendo o Brasil e a Lava Jato. Em determinado trecho, o Le Monde diz que a força-tarefa serviu a “vários interesses, mas não à democracia”.

Após a publicação da matéria jornalística, inúmeros petistas fizeram manifestações de apoio à Sibá e mencionaram as declarações feitas por ele no ano de 2015. Naquela época, políticos, artistas e anônimos não pouparam nas críticas

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

POLÍTICA

Elon Musk vem ao Brasil se encontrar com Bolsonaro e anunciar rede Starlink para escolas e monitoramento da Amazônia

Publicado

em

Por

O bilionário Elon Musk anunciou, via Twitter, que lançará a rede Starlink para conectar 19 mil escolas em áreas rurais e monitorar a Amazônia. O empresário chegou ao Brasil na manhã desta sexta-feira (20) para encontro com o presidente Jair Bolsonaro, políticos e empresários.

“Superanimado por estar no Brasil para o lançamento da Starlink em 19 mil escolas não conectadas em áreas rurais e também para o monitoramento ambiental da Amazônia”, disse Musk na publicação.

O encontro ocorre em um evento no interior de São Paulo. A informação foi antecipada na última quinta (19) pelo colunista Lauro Jardim, de “O Globo”.

Musk deu detalhes sobre os serviços que pretende prestar. O governo federal também não confirmou as informações divulgadas pelo empresário até o momento. Mas o ministro das Comunicações, Fábio Faria, postou nas redes sociais que Musk veio “para tratar com o governo brasileiro sobre Conectividade e Proteção da Amazônia”.

Elon Musk, que em abril anunciou acordo de compra do Twitter por cerca de US$ 44 bilhões (aproximadamente R$ 215 bilhões), é o homem mais rico do mundo e tem um patrimônio avaliado em US$ 219 bilhões (cerca de R$ 1 trilhão), segundo ranking da “Forbes”.

Ele é dono da empresa de transporte espacial SpaceX, onde opera também o serviço de internet via satélite, e comanda a Tesla, fabricante de carros elétricos.

Starlink e SpaceX

Em janeiro, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) concedeu o direito de exploração no Brasil de satélite estrangeiro não-geoestacionário de baixa órbita para a Starlink, sistema de satélites da SpaceX, de Musk. Com isso, a empresa vai poder oferecer seu serviço de internet em todo o território brasileiro, com direito de exploração até 2027.

A autorização da Anatel foi concedida após reunião do ministro Fábio Faria com Musk nos Estados Unidos, em novembro do ano passado.

Em fevereiro deste ano, o governo do Amazonas também informou manter contato com a SpaceX para a instalação de tecnologia da empresa do bilionário no estado. Musk já havia manifestado interesse em iniciar operações da Starlink na região.

Na manhã desta sexta, em uma conversa com alunos do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), Musk foi questionado sobre como poderia garantir que as operações da Starlink na Amazônia promovam a proteção da floresta e a privacidade dos dados coletados.

O magnata disse que a Starlink tem uma política bem rigorosa dos dados: “Mesmo que quiséssemos, não saberíamos qual dado pegar”, afirmou. “Sobre proteger a Amazônia, temos que usar os dados, porque a Amazônia é gigantesca. Se você tentar fazer um monte de fotos e vídeos para entender o que está acontecendo, a quantidade de dados a ser transmitida será enorme, então, precisamos dessa conectividade para monitorar a Amazônia efetivamente.”

Foco em regiões distantes dos grandes centros

A internet via satélite existe há anos, mas Musk, Bezos e outros investem em outro modelo do serviço. Hoje, a maioria dos provedores desse tipo de rede usa grandes satélites em órbita geoestacionária, isto é, que acompanham a rotação da Terra e permanecem sobre uma mesma região.

No caso do Starlink e do futuro serviço da Amazon, os satélites ficam na chamada órbita terrestre baixa, mais próxima da Terra. Eles estão próximos à Estação Espacial Internacional e ao telescópio Hubble.

Com uma distância menor, os novos satélites prometem diminuir a latência, que indica quanto tempo uma informação leva para sair de um ponto e chegar ao seu destino. Nos dois casos, porém, o foco está em regiões distantes de grandes centros.

[G1]

Continue lendo

POLÍTICA

Prefeitura Municipal de Rio Branco realiza 3° Conferência Municipal de Promoção da Igualdade Racial

Publicado

em

Por

A 3° Conferência Municipal da Igualdade Racial, está sendo realizada pela Prefeitura de Rio Branco nos dias 19 e 20, no Anfiteatro Garibaldi Brasil-UFAC, com o Tema: Enfrentamento ao racismo e às outras formas correlatas de discriminação étnico-raciais e de intolerância religiosa: política de Estado e responsabilidade de todos nós.

O objetivo da Conferência é propor alternativas para a superação das desigualdades étnico-raciais, tanto do ponto de vista econômico quanto social, político e cultural.

A conferência busca ampliar os processos de controle social sobre as políticas públicas, conforme o Estatuto da Igualdade Racial (Lei nº 12.288/2010). A lei garante à população negra e aos demais grupos étnico-raciais a efetivação da igualdade de oportunidades, a defesa dos direitos étnicos individuais, coletivos e difusos e o combate à discriminação e às demais formas de intolerância étnica.

Segundo a Diretora de Direitos Humanos, Rila Freze, “A última edição do evento foi realizada em 2017. A Prefeitura de Rio Branco, tem a preocupação de promover dignidade humana a todas às pessoas, a Conferência é um termômetro para avaliar as políticas públicas de forma igualitária e com equidade”, frisou a diretora que é responsável pela organização do evento.

Durante a Conferência também serão escolhidos os Delegados que irão representar o município na Conferência Estadual.

A Conferência está bem no viés que o Prefeito defende com a inclusão do empreendedorismo, com exposição e vendas de artesanatos e culinária afro-brasileira.

Estiveram no evento o Secretário Valtim José, Senador Petecão, Secretário Francisco Bezerra, Conselheiros do COMPIR, representantes das Regiões de Matriz Africanas.

Continue lendo

ELEIÇÕES

Gladson está entre os governadores do Brasil que lideram com folga a disputa eleitoral de 2022, diz Poder360

Publicado

em

Por

Evandro Cordeiro

Em 11 Estados e no Distrito Federal, governadores que tentam a reeleição lideram a corrida eleitoral com certa folga. Levantamento do Poder360 compilou dados de pesquisas em 21 unidades da Federação, os disponíveis até o momento e registrados no TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Entre os favoritos aparece o governador do Acre, Gladson Cameli.

Fonte: Poder360

Os números do Poder360 ratificam o que as pesquisas locais têm levantado, com o atual governador liderando a corrida.

Ainda segundo o Poder, o senador Sérgio Petecão (PSD) é o campeão de rejeição, seguido pelo ex-senador Jorge Viana (PT).

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Soluções Tecnológicas