Connect with us

ESPORTE

Em BH, Imperador Galvez sofre “apagão” e toma de cinco do Galo

Publicado

em

Por Na Marca da Cal

O Imperador Galvez ficou distante da disputa das quartas-de-final da Copa do Brasil Sub-20. Nesta quarta-feira (5), no estádio Sesc Alterosas, em Belo Horizonte, o campeão acreano fez um péssimo jogo e caiu diante do Atlético-MG por 5 a 0. Felipe Felício abriu o placar da partida nos acréscimos do primeiro tempo, enquanto, na etapa complementar, a equipe mineira fez um verdadeiro strike na defensiva imperialista e anotou outros quatro gols. Júlio César fez o segundo em cobrança de penalidade. Thiago ampliou para 3 a 0, enquanto Guilherme Santos e Diogo Bezerra fizeram, respectivamente, o quarto e quinto gol dos mineiros.

Como fica

Com a derrota por cinco gols (5 a 0) diante do Atlético-MG, o Galvez precisa, ao menos, igualar o placar do jogo da ida para, então, levar a decisão da vaga às cobranças de penalidades máximas. O duelo da volta ocorre no próximo domingo (9), às 17h, no estádio Florestão.

O adversário das quartas de final sairá do confronto entre Coritiba e Bahia. O time paranaense venceu a primeira partida, em casa, por 1 a 0.

Jogo

Com uma postura defensiva, o Imperador Galvez conseguiu superar bem a pressão inicial dos primeiros 15 minutos de partida contra o Atlético-MG.

Fechado na sua defesa, o Galvez encontrava dificuldades para sair tocando a bola, isso justificado pela proposta de marcação alta imposta pelo time da casa, que apresentava muito mais posse de bola e ofensividade.

O jogo era de paciência e o time da casa sabia disso, tanto que a troca de passes eram uma constante entre os jogadores da equipe mineira para conseguir abrir os espaços entre a defensiva imperialista para chegar ao primeiro gol. Nos acréscimos do primeiro tempo, após falta pelo lado direito de ataque, a bola chegou para o atacante Felipe na área, esse finalizou de primeira para colocar o time mineiro na frente do placar, aos 46 minutos.

Na 2ª etapa, Galo atropela o Imperador

O gol fez bem ao Atlético-MG, esse retornando mais leve dos vestiários para o restante do confronto diante de um Imperador Galvez inseguro. Num chutaço de fora da área, o Galo quase fez o segundo gol com Guilherme, mas a bola passou perto do gol de Wanderson, aos 7 minutos.

O Imperador Galvez criou a primeira oportunidade de gol somente aos 15 minutos da etapa complementar. O meia Marllon avançou para dentro da defensiva atleticana e finalizou de pé esquerdo, mas a bola foi por cima do gol do Atlético-MG. Cinco minutos depois, Guilherme entrou pelo lado direito e foi derrubado dentro da grande área pelo afoito goleiro Wanderson. O árbitro apontou para a marca da cal. Júlio Cesar cobrou bem e ampliou a vantagem.

Soltou na partida, o time mineiro criava as melhores oportunidades de gols e o terceiro quase ocorreu aos 24 minutos, numa finalização de Luiz Felipe, mas a bola passou perto do gol de Wanderson. Dez minutos depois, o Galvez apareceu na partida num contragolpe, mas Wanderson Martins frente a frente com o goleiro do Galo mandou para fora.  

A resposta do Galo não tardou. No jogo aéreo, aos 40 minutos, a equipe da casa chegou ao terceiro gol, através do atacante Thiago. O quarto gol quase saiu de uma linda jogada em velocidade, através de Diogo, esse aplicando uma “cavadinha”, mas bola ficou no travessão de Wanderson. Nos acréscimos, aos 47 minutos, após apagão da defensiva do Galvez, Guilherme mandou a bola para a rede do Imperador Galvez. Na sequência, num outro erro infantil da defensiva imperialista, Diogo Bezerra tomou a bola da defensiva imperialista, fintou o goleiro Wanderson e fez o quinto gol do Galo.

ARTE/GE

Atlético-MG 5 x 0 Galvez-AC

Data: 05/05/2021

Local: Sesc/ Alterosas, BH

Árbitro: Murilo Misson (MG)

Assistentes: Luiz Antônio Barbosa e Marcyano da Silva (MG)

Gols: Felipe Felício, Júlio César, Thiago, Guilherme Santos e Diogo Bezerra (Atlético-MG)

Cartões amarelos: Henry, Rômulo, (Atle); Felipe, Léo e Romeu (GEC)

Atlético-MG: Gabriel Delfim, Carlos Daniel (João Henrique), Léo Simoni, Rômulo, Gabriel Santos (Daniel Borges), Matheus Lima, Guilherme Santos, Rubens (Alexandre Lopes), Felipe Felício (Diogo), Júlio César e Luiz Felipe (Emanuel). Téc: Marcos Valadares.

Galvez-AC: Wanderson, Anderson (Adriano), Eduardo, Henry, Frankin (Romeu), Thiago Reis, Ryan, Marllon (Glendson), Robertinho (Leandro), Tallis e Wanderson Martins (Alifi). Téc: Paulo Roberto de Oliveira.

Continuar lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ESPORTE

Rio Branco apresenta elenco para o campeonato estadual com 16 atletas importados

Publicado

em

Por

A direção do Rio Branco Futebol Clube apresentou na tarde desta quarta-feira, 16, no estádio José de Melo, o elenco que disputará o campeonato estadual de futebol, com início previsto para 10 de julho. O clube trabalhará com 26 atletas, 10 pratas da casa e 16 importados.

Além dos jogadores contratados de várias regiões do país, o Rio Branco também contratou um treinador, mas este só se apresentará na próxima segunda-feira. Até lá, a equipe ficará aos cuidados do treinador de goleiros Walter Amaral e do preparador físico Selcimar Maciel, que estava trabalhando no Nacional de Manaus e veio para o Acre atender o clube no estadual.

Continuar lendo

ESPORTE

Sem renda, boxeador acreano corre o risco de não lutar em evento e pede ajuda

Publicado

em

Por

Por Wanglézio Braga / Foto: Wanglézio Braga

O pugilista Leandro Macário (24), único brasileiro inscrito para o evento de luta internacional que ocorrerá na Bolívia no próximo dia 19, corre o risco de não participar da competição por falta de patrocínio. O rapaz que está desempregado e não possui nenhum tipo de renda, enfrenta dificuldades para cobrir os custos como hospedagem, alimentação e gasolina (transporte). A condição do lutador foi descrita pelo treinador, Cleicimar Araújo, que pede mais sensibilidade da sociedade acreana para a bandeira do esporte.

Araújo é professor de luta marcial e desenvolve projeto nas comunidades carentes de Rio Branco há 16 anos. Ele é responsável por treinar e enaltecer o nome de Leandro Macário nas competições de boxe. Sem ter condições de ajudar ainda mais o aluno, o voluntário entrou em contato com a reportagem do Acre News informando que o rapaz corre o risco de não participar da luta internacional por falta de condições financeiras e pede ajuda.

“Ele e eu estamos desempregados. Não temos condições, até o momento, de arcar com os custos da passagem, alimentação e estadia. Por enquanto nós temos um carro que é de outro aluno que voluntariamente nos levará para Cobija, mais falta o da gasolina. Tem também a hospedagem e alimentação. É um custo aproximado de R$ 400 reais (…) por isso peço a ajuda da população, dos empresários que são sensíveis à causa do esporte e também as nossas autoridades que possam nos ajudar”, disse.

Cleicimar Silva de Araújo informou o número da conta PIX para doações [chave 523.419.172.91]. “Nós agradecemos as pessoas do bem que possam nos ajudar. Qualquer doação será bem-vinda. Queremos enaltecer o nome do nosso estado lá fora, dar oportunidades a quem precisa e também provar que o esporte é uma alternativa de boa vida”, enfatizou.

Para falar diretamente com o treinador basta ligar para o número (68) 99982-1877.

SAIBA MAIS

O Acre News noticiou que Leandro Macário foi inscrito para a competição que vai ocorrer no Coliseu Alfredo Huari, na cidade de Cobija, no próximo sábado, e que representará o Brasil no evento tendo em vista que foi o único brasileiro a topar o desafio. Leia a matéria completa aqui.

Continuar lendo

ESPORTE

Campeonato Sub-17: oito clubes e um objetivo

Publicado

em

Por

Na Marca da Cal / Foto: Manoel Façanha

A corrida pelo título do Campeonato Acreano Sub-17 começa nesta terça-feira (15) com duas partidas no estádio Florestão. O Independência abre o torneio contra a Adesg, às 14h. O duelo terá arbitragem de Ruan Santos, assistido por Rener Santos e Carlos Alberto. No jogo de fundo, às 16h, o Andirá, sob o comando do técnico Kinho Brito, ex-Galvez, estreia diante do Atlético Acreano. O duelo também terá novo comandante do banco de reservas do Galo Carijó. O treinador Maydenson Costa deixou o clube católico do São Francisco e acertou sua transferência no mês passado para o time celeste. A partida terá no apito Jackson Rodrigues, assistido por Verônica Severino e Roseane Amorim.

Nesta temporada, o torneio conta com a participação de oito clubes divididos em duas chaves. O Grupo A será composto pelo o atual campeão Galvez, Independência, Atlético-AC e Plácido de Castro. Já o Grupo B será formado pelas as seguintes equipes: Adesg, Andirá, Vasco-AC e Rio Branco-AC.

Conforme o regulamento, no primeiro turno as equipes do grupo A duelam contra as equipes do grupo B. Os dois melhores clubes de cada chave decidem em jogo único o título do turno. Em caso de empate, a decisão será nos pênaltis. No returno, a única diferença é que as equipes se enfrentam dentro de seus respectivos grupos. Caso uma equipe vença os dois turnos da competição será declarada campeã, mas em caso de campeões de turnos diferentes, haverá uma decisão em jogo único. Lembrando que o vencedor do torneio carimba vaga na disputa da Copa do Brasil Sub-17/2021.

Continuar lendo

Trending

www.acrenews.com.br é uma publicação da Acrenews Comunicação

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Endereço: Área rural, 204, Setor Barro Vermelho - CEP 69.923-899

Os artigos assinados não expressam a opinião deste site.

contato@acrenews.com.br

Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Soluções Tecnológicas