Connect with us

POLÍCIA

PF faz operação nesta manhã em Senador Guiomard com 16 mandados de prisão contra crime organizado

Publicado

em

Por Ascom/Foto: Reprodução

A Força Integrada de Combate ao Crime Organizado – FICCO, composta pela Polícia Federal, Polícia Civil e Polícia Militar deflagrou nesta quarta-feira (19/05) a Operação TABULEIRO II, em continuidade às ações operacionais direcionadas contra facções criminosas atuantes no narcotráfico e crimes violentos que operam dentro e fora do sistema prisional do estado do Acre.

A operação conta com policiais federais e civis, que cumprem 18 ordens judiciais expedidas pela Vara de Delitos de Organizações Criminosas de Rio Branco, sendo 02 de busca e apreensão domiciliar e 16 de prisão preventiva.

Os mandados foram cumpridos nos municípios de Senador Guiomard, Cruzeiro do Sul, Rio Branco e Guajará-Mirim/RO. Os investigados exerciam relevantes funções na facção sendo considerados lideranças regionais.

Essa é a segunda fase da operação Tabuleiro. Na primeira, deflagrada em 30/07/2020, já haviam sido cumpridos 52 mandados judiciais sendo 16 mandados de busca e apreensão e 36 de prisão preventiva em face de membros da mesma Organização Criminosa, atuantes na cidade de Rio Branco-AC.

Na operação de hoje, a FICCO mirou a desarticulação de uma célula da facção criminosa com atuação predominante no município de Senador Guiomard-AC. A maioria dos indivíduos presos já respondiam por delitos graves como roubo, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Agora, serão indiciados pelo crime de integrar organização criminosa (artigo 2º da Lei 12.850/2013).

A ação faz parte da estratégia da FICCO-AC em combater as facções através do trabalho conjunto entre as forças de segurança pública e justiça criminal (Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Militar e Ministério Público-GAECO).

A operação conduzida pela Força Integrada de Combate ao Crime Organizado no Acre foi chamada de “Tabuleiro” – que na linguagem da facção investigada significa uma espécie de cadastro e identificação dos membros que integram a organização criminosa.

A FICCO reforça que a atual pandemia não afetou as investigações e ações nos crimes de sua atribuição, mas que esta diligência policial foi cumprida em total observância às orientações da ANVISA, sobretudo o uso de equipamentos de proteção individual para resguardar a saúde dos policiais e dos investigados.

A Força Integrada de Combate ao Crime Organizado – FICCO, composta pela Polícia Federal, Polícia Civil e Polícia Militar deflagrou nesta quarta-feira (19/05) a Operação TABULEIRO II, em continuidade às ações operacionais direcionadas contra facções criminosas atuantes no narcotráfico e crimes violentos que operam dentro e fora do sistema prisional do estado do Acre.

A operação conta com policiais federais e civis, que cumprem 18 ordens judiciais expedidas pela Vara de Delitos de Organizações Criminosas de Rio Branco, sendo 02 de busca e apreensão domiciliar e 16 de prisão preventiva.

Os mandados foram cumpridos nos municípios de Senador Guiomard, Cruzeiro do Sul, Rio Branco e Guajará-Mirim/RO. Os investigados exerciam relevantes funções na facção sendo considerados lideranças regionais.

Essa é a segunda fase da operação Tabuleiro. Na primeira, deflagrada em 30/07/2020, já haviam sido cumpridos 52 mandados judiciais sendo 16 mandados de busca e apreensão e 36 de prisão preventiva em face de membros da mesma Organização Criminosa, atuantes na cidade de Rio Branco-AC.

Na operação de hoje, a FICCO mirou a desarticulação de uma célula da facção criminosa com atuação predominante no município de Senador Guiomard-AC. A maioria dos indivíduos presos já respondiam por delitos graves como roubo, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Agora, serão indiciados pelo crime de integrar organização criminosa (artigo 2º da Lei 12.850/2013).

A ação faz parte da estratégia da FICCO-AC em combater as facções através do trabalho conjunto entre as forças de segurança pública e justiça criminal (Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Militar e Ministério Público-GAECO).

A operação conduzida pela Força Integrada de Combate ao Crime Organizado no Acre foi chamada de “Tabuleiro” – que na linguagem da facção investigada significa uma espécie de cadastro e identificação dos membros que integram a organização criminosa.

A FICCO reforça que a atual pandemia não afetou as investigações e ações nos crimes de sua atribuição, mas que esta diligência policial foi cumprida em total observância às orientações da ANVISA, sobretudo o uso de equipamentos de proteção individual para resguardar a saúde dos policiais e dos investigados.

Continuar lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POLÍCIA

Em Manoel Urbano, PM recupera moto que havia sido subtraída após golpe em Sena Madureira

Publicado

em

Por

Ascom/PMAC

A Polícia Militar do Acre recuperou neste sábado, 19, por volta das 10h00, em uma atuação exitosa do 2° Pelotão de Destacamento da Cidade de Manoel Urbano, uma motocicleta que havia sido subtraída, após a vítima ter sido enganada por estelionatário, que conseguiu convencê-la a entregar o automóvel e o documento para um “teste drive”.

O fato ocorreu no Bairro Cristo Libertador na cidade de Sena Madureira, no sábado (12) de junho de 2021. Após isso, o estelionatário sumiu com o veículo e bloqueou a vítima do WhatsApp sem realizar o pagamento do contrato de compra e venda. Após o golpe, a vítima acionou a Polícia Militar de Sena Madureira que realizou patrulhamento, mas não conseguiu recuperar a motocicleta e prender o infrator.

Posteriormente, o estelionatário “vendeu” o veículo para um nacional da cidade de Manoel Urbano, que também foi possivelmente enganado e depositou o valor de 4.500 reais para “adquirir” o veículo.

Por esses fatos, a Polícia Militar de Manoel Urbano em patrulhamento apreendeu o veículo, pois constava restrição roubo/furto, bem como, no intuito de ser realizado investigação objetivando restituir ao legítimo dono e esclarecimento do crime.

Continuar lendo

POLÍCIA

Mulher é detida pela PRF com 33 pacotes de cloridrato de cocaína na BR-364

Publicado

em

Por

Fotos: Equipe PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, por volta das 12 horas desta sexta-feira (18), cerca de 368 gramas de cloridrato de cocaína. O flagrante foi realizado em uma caminhonete que tinha como destino o município de Boca do Acre, no estado do Amazonas. O veículo foi abordado no km 110 da BR-364.

Os policiais encontraram 33 invólucros contendo uma substância de cor branca, confirmada ser cocaína após teste preliminar. A droga estava escondida dentro de uma mochila de uma passageira, que admitiu ser a proprietária do entorpecente.

Questionada pela equipe da PRF, ela informou que adquiriu a substância ilícita no município de Rio Branco/AC e que revenderia no município de Boca do Acre/AM.

A mulher foi detida pelo crime de tráfico de drogas e foi encaminhada à Delegacia de Flagrante em Rio Branco, junto com os demais ocupantes do veículo na condição de testemunhas.

                                                                                                                                                                                                                        Fotos: Equipe PRF

Continuar lendo

POLÍCIA

Plácido de Castro: Polícia Civil prende três por roubo de caminhonetes na região de fronteira

Publicado

em

Por

Ascom/PCAC

Em mais um desdobramento da operação “Carretera Cerrada”, a Delegacia Geral de Plácido, com apoio de Policiais do Departamento de Polícia da Capital e do Interior (DPCI), promoveu uma ação contra mais um grupo criminoso especializado na subtração de caminhonetes e prendeu, ao final da tarde desta sexta-feira, 18, três pessoas investigadas por roubo de caminhonetes na região de fronteira.

Ao todo foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão e foram presos três autores – F. S. O., de 20 anos de idade, A. N. P. S., de 19 anos de idade, e E. P. S., de 21 anos de idade. Os indivíduos são investigados pela invasão a uma residência em março de 2021.

De acordo com a investigação, os bandidos estavam encapuzados e com de armas de fogo em punho. Os autores – munidos de 01 (uma) arma de fogo tipo espingarda e de armas brancas (facas) -, anunciaram o assalto, renderam os moradores e os amarraram no quarto de hóspede.

Após conterem as vítimas, os assaltantes exigiram a chave da caminhonete e passaram a revirar a casa procurando objetos de valor, momento em encontraram o revólver do dono da casa sobre a cabeceira da cama e uma espingarda, que foi também subtraída. A intenção inicial era subtrair a caminhonete das vítimas, mas sem conseguir levar a caminhonete, os bandidos saíram da casa levando as armas, relógios e celulares das vítimas.

Presos, os investigados foram levados à Delegacia Geral de Plácido de Castro, onde foram indiciados pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo, cárcere privado e roubo majorado. Após procedimento praxe, os investigados foram colocados à disposição da Justiça.

Continuar lendo

Trending

www.acrenews.com.br é uma publicação da Acrenews Comunicação

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Endereço: Área rural, 204, Setor Barro Vermelho - CEP 69.923-899

Os artigos assinados não expressam a opinião deste site.

contato@acrenews.com.br

Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Soluções Tecnológicas