Connect with us

POLÍCIA

Preso suspeito de matar médico acreano na BA; ele é o amigo que registrou desaparecimento na delegacia

Publicado

em

Por Acorda Cidade/ Foto: Aldo Matos

Policiais da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) e do Sistema de Inteligência da 1ª Coorpin prenderam, no início da tarde desta sexta-feira (28), o suspeito de ter matado o médico psiquiatra Andrade Lopes Santana, de 32 anos. A prisão ocorreu em um condomínio do bairro Santa Mônica.

De acordo com a polícia, o acusado, que também é médico e era amigo de Andrade, teve a prisão temporária decretada por 30 dias pela juíza titular da Vara do Júri de Feira de Santana, Márcia Simões Costa, após os investigadores suspeitarem do envolvimento dele no desaparecimento da vítima.

No condomínio, também foi encontrado o Jet Sky que, segundo o suspeito em depoimento, seria vendido a Andrade. 

Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

Suspeito comprou âncora 

Em entrevista ao Acorda Cidade, o coordenador de Polícia Civil da 1ª Coorpin de Feira de Santana, delegado Roberto Leal, relatou que logo após a polícia dar início às investigações sobre o desaparecimento do médico, a polícia percebeu que as informações prestadas na delegacia pelo suspeito não estavam condizentes com as investigações preliminares.

“Inicialmente, no dia do desaparecimento e no dia seguinte, quando um colega de trabalho do médico compareceu à delegacia de polícia informando sobre o desaparecimento, as investigações foram iniciadas pela 1ª Coorpin e também pela Furtos e Roubos, e de imediato começou-se a perceber que as alegações prestadas pelo colega não estavam relacionadas corretamente com o que foi angariado durante as investigações preliminares. As investigações continuaram, e no dia 27, chegou-se a uma testemunha, que acabou relatando algumas informações que apontam para a participação dessa pessoa com o crime”, informou Leal.

Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

Segundo o delegado, também no dia 27, através das equipes de inteligência, chegou-se a um estabelecimento comercial e foi verificado que o mesmo indivíduo que é suspeito, comprou uma âncora, a mesma que foi encontrada amarrada ao corpo de Andrade, e por esse motivo foi representada a prisão temporária do suspeito.

“Até o momento não conseguimos apontar corretamente a motivação para o fato. Em relação à venda da moto aquática, está descartada, principalmente pelos depoimentos coletados de amigos e outros colegas de Andrade, de que ele não veio a Feira de Santana para negociação desse Jet Sky. Ele veio justamente resolver uma pendência junto ao exército para aquisição de uma arma de fogo”, relatou.

Amigos próximos

Médico psiquiatra Andrade Lopes Santana – Foto: Reprodução.

Roberto Leal destacou que as informações apontam para a participação do suspeito no crime, porém os investigadores ainda vão buscar esclarecer se ele contou com ajuda de mais alguém no assassinato.

“As investigações vão continuar para descobrir se o crime foi cometido por ele ou se teve auxílio de algum outro colega ou amigo, ou se foi outra pessoa responsável. Essas investigações estão sendo realizadas e é necessário que se mantenha sigilo pra não prejudicar o inquérito policial. A prisão temporária foi por homicídio qualificado, crime hediondo. A vítima e o autor eram amigos próximos e colegas de trabalho e haviam agendado um encontro para desfrutar de um momento de lazer no Rio Jacuípe, quando iriam andar de Jet Sky. Vamos aprofundar as investigações para saber se o médico chegou ou não ao local”, disse.

Ainda conforme o delegado, o suspeito foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica para exame de corpo delito. Ao retornar do DPT, ficará custodiado no Complexo de Delegacias do bairro Sobradinho e, na segunda-feira, deverá ser levado ao presídio regional de Feira de Santana.

Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade
Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade
Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

Os peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT) constataram um disparo de arma de fogo na nuca. Além disso, havia uma corda no braço amarrada a uma âncora para o corpo não subir. O celular dele foi encontrado na cintura.

Ele estava desaparecido desde a última segunda-feira (24), quando saiu de Araci, onde morava com destino a Feira de Santana. O carro dele foi encontrado no mesmo dia em Conceição do Jacuípe.

Bombeiros, policiais militares e policiais civis da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) foram até o local para resgatar o corpo com a equipe do DPT.

Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

O desaparecimento

O último contato do médico com amigos foi por volta de meio-dia, da última segunda-feira (24), horas depois o veículo foi encontrado, sem seus pertences. Uma queixa foi prestada na 2ª Delegacia Territorial de Feira de Santana no dia seguinte por um médico, amigo dele e suspeito do crime.

“Foi feito o registro da ocorrência e iniciou-se uma coleta de dados. Sabemos que ele saiu dia 24 com destino à cidade de Feira de Santana, onde visitaria alguns amigos e iria realizar um negócio aqui nesta cidade. Por volta das 12h, ele não mais foi encontrado por seus amigos, inclusive, se ausentou do serviço que seria escalado como médico. Por volta das 18h, o veículo dele foi encontrado pela Polícia Rodoviária Federal já na cidade de Conceição do Jacuípe, abandonado e trancado”, disse o delegado ao Acorda Cidade no dia do registro do desaparecimento.

O amigo relatou que o médico iria almoçar com uma mulher e depois enviou uma mensagem para ela cancelando o almoço, para almoçar com um amigo e marcando um jantar com ela. A mulher já foi identificada e a polícia vai ouvi-la para saber se ela tem alguma informação importante. Ainda segundo o relato, Andrade chegou a enviar uma mensagem para o amigo, dizendo que chegou ao local combinado, no Rio Jacuípe, mas o amigo não o encontrou. Após esta mensagem, o médico não respondeu mais, nem atendeu ligações.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

POLÍCIA

Idoso flagrado com arma de fogo pela segunda vez é liberado novamente em audiência de custódia

Publicado

em

Por

Railton Pereira dos Santos estava em via pública quando foi abordado pela Polícia Militar. Durante a revista os PMs encontraram uma arma de fogo artesanal, adaptada para calibre 22 e munições.

A ação dos policiais ocorreu na noite de sábado, 6, no bairro Estação Experimental, mas na manhã seguinte Railton Pereira foi liberado durante audiência de custódia no Fórum Criminal.

Foi a segunda vez, em oito dias, que o idoso foi preso com arma de fogo em via pública e logo depois liberado pela Justiça do Acre. O primeiro flagrante ocorreu no último dia 30.

Railton Pereira portava uma arma de fogo quando foi abordado por uma guarnição. Ele foi preso e indiciado na sede da DEFLA, mas no dia seguinte teve o alvará de soltura expedido em audiência de custódia.

Na decisão foram estabelecidas algumas medidas cautelares, mas nenhuma delas foi cumprida pelo acusado, que já está de volta às ruas.

Continue lendo

POLÍCIA

Câmara Criminal mantém sentença de quadrilha que manteve pastor e família reféns para roubar caminhonete

Publicado

em

Por

Condenados a quase 42 anos de prisão, os quatro criminosos que fizeram um pastor e a família de reféns tiveram o pedido de redução de pena negado. A decisão foi dos desembargadores que compõem a Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Acre. O recurso, que pedia revisão da sentença, foi impetrado pela defesa dos réus;

O crime ocorreu no dia 11 de agosto de 2021, quando uma quadrilha invadiu a chácara da família localizada na Estrada do Quixadá. Durante a ação, o evangélico, a esposa e o filho de 11 anos, foram rendidos e ficaram reféns de André Lucas e Michael Silva, dois dos integrantes do bando.

Os outros criminosos, Hércules e Edleudo, seguiram com a caminhonete da família com destino a Bolívia, mas o veículo foi interceptado na BR-317 por policiais militares do BOPE e a dupla acabou detida. Após a prisão, outra equipe foi para o endereço das vítimas. A casa foi cercada e os policiais conseguiram libertar a família e prender os demais assaltantes.

Em maio deste ano os quatro envolvidos no crime foram condenados. Michael Silva de Freitas recebeu a maior pena. Apontado como líder do bando, ele condenado 11 anos, 1 mês e 10 dias. Já Hércules Mailon Almeida de Souza, André Lucas de Souza Lima e Edleudo Paulino Ferreira foram sentenciados, cada um, a 10 anos e 25 dias.

Agora a decisão do juiz da vara de delitos e roubo e extorsão foi confirmada em segundo grau.

Continue lendo

POLÍCIA

Na BR-317, veículo roubado em Rio Branco é recuperado pelo Gefron-AC, poucas horas após o crime 

Publicado

em

Por

No início da madrugada deste domingo, 7, durante abordagem, na BR-317, no município de Xapuri, uma guarnição do Grupo Especial de Fronteira (Gefron-AC), em cumprimento à Operação Hórus, do Programa Guardiões das Fronteiras, logrou êxito em recuperar mais um veículo roubado na cidade de Rio Branco. O condutor da caminhonete S 10, ano 2022, foi preso e conduzido à delegacia daquele município.

De acordo com a equipe do Gefron, ao ser abordado, o motorista afirmou não portar habilitação nem a documentação do veículo, confessando ser a caminhonete produto de roubo, praticado há algumas horas, em uma empresa, no bairro Distrito Industrial, na capital acreana.

Ainda à guarnição, o acusado revelou que o destino do veículo seria a cidade de Epitaciolândia (Alto Acre), onde seria entregue a uma pessoa, a qual não conhecia, para, em seguida, ser levado à Bolívia.

Após o flagrante, o Gefron apurou que o vigia da empresa, durante o fato criminoso, foi levado ao bairro Praia do Amapá, em Rio Branco, onde permaneceria, em cárcere, até que a caminhonete atravessasse a fronteira.

[Ascom]

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Soluções Tecnológicas