Connect with us

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Acre tem 188 novos infectados por Covid e dez mortes nesta segunda, 12

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), registra 188 casos de infecção por coronavírus nesta segunda-feira, 12, sendo todos confirmados por exames de RT-PCR. O número de infectados saltou de 73.425 para 73.613 nas últimas 24 horas.

Até o momento, o Acre registra 192.839 notificações de contaminação pela doença, sendo que 118.496 casos foram descartados e 730 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 61.861 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 301 pessoas seguem internadas.

Os dados da vacinação contra a Covid-19 no Acre podem ser acessados no Painel de Monitoramento da Vacinação, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio. As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS), ficando sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município.

Mais 10 notificações de óbitos foram registradas nesta segunda-feira, 12 de abril, sendo 3 do sexo masculino e 7 do sexo feminino, fazendo com que o número oficial de mortes por Covid-19 suba para 1.353 em todo o estado.

Óbitos do sexo masculino:

Morador de Rio Branco, A. L. L. C., de 44 anos, deu entrada no dia 27 de março, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), vindo a falecer no dia 8 de abril.

Morador de Manoel Urbano, L. C. O. S., de 77 anos, deu entrada no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), no dia 30 de março, e faleceu no dia 9 de abril.

O terceiro óbito entre os homens é de M. R. S., de 86 anos. Morador de Rio Branco, deu entrada no dia 11 de abril, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), vindo a falecer no mesmo dia, 11.

Óbitos do sexo feminino:

Moradora de Sena Madureira, C. O. N., de 66 anos, deu entrada no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), no dia 2 de abril, e faleceu no dia 7 de abril.

R. N. A. N., de 83 anos. Moradora de Rio Branco, deu entrada no dia 29 de março, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), e veio a falecer no dia 8 de abril.

Moradora de Sena Madureira, M. F. G. N., de 65 anos, deu entrada no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), no dia 8 de abril, vindo a óbito no dia 10 do referido mês.

R. N. G., de 60 anos. Moradora de Sena Madureira, deu entrada no dia 5 de abril, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), e faleceu no dia 10 de abril.

Moradora de Rio Branco, A. M. C., de 53 anos, deu entrada no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), no dia 10 de abril, e veio a falecer no dia seguinte, 11 de abril.

Moradora de Rio Branco, F. F. L. A., de 62 anos, deu entrada no dia 17 de março, Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), vindo a óbito nesta segunda-feira, dia 12 de abril.

O sétimo óbito entre as mulheres é de R. F. A., de 84 anos. Moradora de Porto Walter, deu entrada no dia 11 de abril, no Hospital Regional do Juruá, em Cruzeiro do Sul, e veio a falecer nesta segunda-feira, dia 12.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POLÍTICA

Comissão é formada para discutir a fusão de DEM e PSL no Acre; primeira sentada aponta muita união

Publicado

em

Por

Os líderes maiores de DEM, deputado federal Alan Rick, e PSL, senador Márcio Bittar, abriram a primeira reunião da comissão formada para executar a fusão dos dois partidos no Acre. Foi perto do meio-dia desta segunda-feira, 27, na sede do PSL. De primeira, segundo avaliação deles mesmos, a previsão é de que a junção ocorra “sem traumas”.

A junção dos dois partidos mexeu significativamente no tabuleiro político do Acre. Uma das razões e talvez a mais delicada é o fato de ambas as partes ter o mesmo interesse, a disputa pela única vaga para o Senado, em 2022. No lado do PSL o nome é o de Márcia Bittar; no DEM o nome em apreciação é o de Alan Rick. Num primeiro momento houve certa tensão, mas logo as lideranças maiores sentaram e o clima é, no momento, totalmente amistoso. “A gente vai se entender”, garantiu o senador Bittar sobre Alan Rick. E parece que vão. Na reunião de hoje isso ficou bem claro.

“Vamos fazer uma fusão sem traumas. O único problema sério que precisamos resolver é que o PSL já tinha uma chapa pronta, com 36 candidatos. Agora vamos ter que fazer uns cortes para absolver a chapa do DEM”, disse ao AcreNews o Pedro Valério, que vai continuar como presidente do PSL com a benção do senador Márcio Bittar. Do lado do DEM o clima é o mesmo, segundo o presidente Jairo Cassiano.

Continue lendo

POLÍTICA

Governo entrega 10 caminhões frigoríficos para transporte de alimentos da merenda escolar

Publicado

em

Por

Agência AC

Com investimentos na ordem de R$ 2,6 milhões, oriundos de recursos próprios do governo do Acre, o governador Gladson Cameli fez a entrega de dez caminhões frigoríficos à Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE) nesta segunda-feira, 27, em Rio Branco. Além da capital, os veículos atenderão as demandas do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) nos municípios com acesso terrestre em todas as regionais.

Nesta segunda-feira, 27, o governo do Acre fez a entrega de dez caminhões frigoríficos à Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE). Foto: Marcos Vicentti/Secom

A frota tem como principal objetivo garantir a qualidade e conservação, em boas condições de armazenamento, dos alimentos que compõem a merenda escolar da rede estadual de ensino, bem como melhorar a logística, dar mais eficiência às entregas e atender as exigências das agências reguladoras para realização de transporte de perecíveis.

Metade dos veículos ficará em Rio Branco e realizará a cobertura de comunidades escolares de cidades dos vales do Baixo e Alto Acre. Os demais caminhões atenderão as demandas de escolas de Cruzeiro do Sul, Feijó, Mâncio Lima, Manoel Urbano, Rodrigues Alves, Sena Madureira e Tarauacá.

Frota será utilizada para o transporte dos alimentos que compõem a merenda escolar. Veículos serão utilizados em todos os municípios do estado com acesso terrestre. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Todos os veículos frigoríficos são padronizados e possuem câmaras frias com prateleiras removíveis, divisórias móveis, escada para compartimento de refrigeração, balança de precisão com painel digital, termômetro, carrinho de carga, caixas plásticas e extensão para captação de energia elétrica externa.

A gestão de Gladson Cameli tem avançado na área da Educação com vultosos investimentos. No caso específico da merenda escolar, o Estado introduziu o prato extra para mais de 160 mil alunos, nos 22 municípios. Em seu discurso, o chefe do Poder Executivo renovou seu compromisso com o futuro dos jovens acreanos.

Gestão do governador Gladson Cameli contabiliza inúmeros investimentos na Educação. O incremento de prato extra na merenda escolar beneficiou mais de 160 mil alunos da rede pública de ensino Foto: Marcos Vicentti/Secom

“Um estado melhor para todos passa primeiro pela oferta de um ensino de qualidade e é isso que temos feito desde o início do nosso governo. Contratamos professores efetivos, reformamos nossas escolas, incrementamos mais uma refeição na merenda escolar e distribuímos, gratuitamente, o fardamento escolar. É pelas nossas crianças que eu não tenho medido esforços para construir um Acre cada vez melhor e com mais oportunidades para todas elas”, argumentou.

A titular da Educação, secretária Socorro Neri, destacou a entrega dos caminhões como parte dos esforços do governo do Estado para garantir o retorno seguro das aulas presenciais, no próximo dia 4 de outubro. “Pesquisas apontam que a escola faz falta na questão nutricional dos estudantes, sobretudo os da escola pública. Teremos uma retomada cheia de desafios, para os quais a grande maioria das escolas está preparada, e estamos fazendo a distribuição dos insumos, como é o caso da merenda escolar, dos materiais de cuidados sanitários e do material escolar”, frisou.

Secretária Socorro Neri destacou investimento na aquisição dos caminhões frigoríficos como parte dos esforços do governo acreano para garantir a retomada das aulas presenciais. Foto: Marcos Vicentti/Secom

A solenidade, realizada na esplanada do Palácio Rio Branco, contou ainda com a participação do secretário da Casa Civil, Flávio Silva; dos deputados federais Alan Rick e Vanda Milani; dos deputados estaduais Gehlen Diniz, José Bestene, Luís Tchê, Manoel Moraes e Pedro Longo; e do vereador Rutênio Sá, de Rio Branco; entre outras autoridades.

O que eles disseram

“A entrega destes dez caminhões, que vão para todas as regionais, é essencial para garantir o retorno das aulas presenciais e assegurar aos nossos estudantes uma merenda de excelente qualidade.”

Pedro Longo, deputado estadual e líder do governo na Assembleia Legislativa

“Estamos diante de um dos maiores desafios da história do nosso estado. A pandemia prejudicou muito a educação pública brasileira e esse retorno das aulas presenciais está diretamente ligada com o destino e o futuro de milhares de jovens acreanos.”

Gehlen Diniz, deputado estadual

“A entrega destes caminhões é a prova do trabalho dos governos federal e estadual e também dos parlamentares da bancada federal, que sempre estão à disposição para ajudar o Acre. Com esses veículos, temos a certeza que os nossos estudantes estão sendo bem cuidados.”

Vanda Milani, deputada federal

“Sei do potencial transformador que a educação causa na vida das pessoas. Por isso, tenho priorizado a destinação de emendas para esse importante seguimento. Fico muito feliz por dar a minha contribuição ao governo do Estado para, juntos, melhorarmos cada vez mais o nosso ensino.”

Alan Rick, deputado federal

Continue lendo

ACRE

Rebanho do Acre aumenta em torno de 50% e abate acompanha recuperação econômica

Publicado

em

Por

Agência AC / Foto: Marcos Vicentti

O governo do Acre, por meio do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf-AC), divulgou um relatório em que revela que o rebanho bovino acreano vem em uma linha constante de crescimento, que girou em torno de 50% na última década. Há também potencial de expansão para os próximos anos, fruto dos investimentos em novas tecnologias e em melhoramento genético do rebanho por parte dos pecuaristas.

O território acreano possui hoje, aproximadamente, 3,8 milhões de bovinos. Esse número de cabeças em 2010 chegava a 2,5 milhões.

Evolução do número de cabeças de gado no Acre em uma década. Fonte: Idaf-AC

O governador Gladson Cameli é um dos grandes incentivadores do desenvolvimento do agronegócio no Acre e tem feito, por meio do Idaf, grandes investimentos na Defesa Sanitária Agropecuária, possibilitando o reconhecimento do estado como Área Livre de Febre Aftosa Sem Vacinação certificada pela Organização Mundial da Saúde Animal (OIE). Esse reconhecimento, entre outros fatores, causou uma valorização do rebanho acreano e com isso um aquecimento na economia local.

Segundo o diretor técnico do Idaf, Jessé Monteiro, há 14 anos o estado era reconhecido internacionalmente pela OIE como Zona Livre de Aftosa Com Vacinação, mas desde novembro de 2019, a aplicação da vacina contra a doença deixou de ser obrigatória após uma série de medidas adotadas pelo Estado, em parceria com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e iniciativa privada.

Para chegar a esse resultado, o governo do Acre contratou novos veterinários, técnicos, ofereceu treinamento para toda a equipe, adquiriu novos equipamentos e reformou todas as unidades do Idaf, em parceria com o Fundo de Desenvolvimento da Pecuária do Acre (Fundepec).

Com relação aos dados de abates de animais, o Idaf observou que o estado segue uma média relativamente constante ao longo dos últimos 4 anos, com uma leve queda no ano de 2020, um possível reflexo da pandemia da Covid-19. Se em 2019 o estado registrou 459.750 abates, em 2020 esse número foi para 404.217 animais abatidos.

Abate de animais teve queda em 2020 pela pandemia de Covid-19, mas números devem voltar ao patamar em 2021. Fonte: Idaf-AC

Até agosto, o Idaf registrou 269.231 abates de bovídeos. Com ainda um trimestre para fechar o ano, os técnicos do Instituto destacam que é em geral nos últimos três meses que o número de abates dispara, o que deve significar uma retomada ao patamar do número de 2019.

Segundo o presidente do Idaf, José Francisco Thum, “esse é um setor extremamente importante para a economia do Acre. Há novas conquistas que valorizam os animais, expandem o mercado e, após a crise causada pelo auge da pandemia de Covid-19, agora é o momento da retomada. O governo seguirá firme, adotando todas as medidas necessárias para a expansão, com geração de mais empregos e renda para o estado, sendo esse o principal objetivo da gestão do governador Gladson Cameli”.

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Engenharia e Tecnologia