Connect with us

COLUNAS

COLUNA DO EVANDRO Suplente de deputado que é policial se revolta decisão da Justiça que suspende vacinas para segurança: “Chamem o Batman”

Publicado

em

O policial civil Leandro Costa, bacharel em Direito e por duas vezes suplente de vereador e deputado, se revoltou muito com a decisão da Justiça de suspender a vacinação para os agentes de segurança. Corajoso, mandou um duro recado: “Quando quiserem conter aglomerações, fiscalizar o lockdown e o toque de recolher, chamem o Papa Francisco, o Batman e o Chapolim Colorado”.

Campanha na rua
Assessores do senador Sérgio Petecão (PSD) caíram em campo nas redes sociais, pedindo votos. Criaram até um mantra: “Eu vou votar para governador em 2022 no menino da Seis de Agosto”.

Por merecimento
Quem deve vir muito forte do Juruá nas eleições de 2022, na disputa para estadual, é o ex-vereador e ex-prefeito tampão de Cruzeiro do Sul, Clodoaldo Rodrigues. É do Progressistas e pode até “casar” com a candiatura a federal do atual presidente da Assembléia Legislativa, Nicolau Júnior.

Mudança de ares
Tenho acompanhado os bastidores do Palácio Rio Branco esses dias. Da para perceber que o terceiro ano foi escolhido pelo governador Gladson Cameli para dar “tapa no visual” político dele. Está sendo duro, quando precisa, mas extremamente “romântico” quando a ocasião exige. Está ouvindo alguns caciques velhos e até final do ano vai reunir gente suficiente para, ai sim, garantir sua reeleição.

Muito preciosismo
Todo mundo sabe que o vereador Emerson Jarude (MDB) é atuante, mas ele as vezes exagera. Esses dias achou que deveria sentar sobre uma campanha da prefeitura na área de saúde, cuja vem carimbada. Se o prefeito Tião Bocalom (Progressistas) quiser comprar sacolão com esse dinheiro para dar aos pobres, ele é proibido. É dinheiro carimbado. Perdeu tempo o parlamentar e a própria prefeitura. Tudo por preciosismo.

Cobrando o acordo
Ex-deputados estaduais que ajudaram a eleger a vereadora Michele Melo (PDT) estariam tentando convencer o pai dela, o arquimilionario empresário Nelsinho Santiago, a tirar da cabeça dela a ideia de disputar para estadual. Além do mais, lembram: o compromisso é que, eleita, ela disputaria para federal numa parceria com eles.

Torneira fechada
Olavinho Boiadeiro (MDB), o novo prefeito de Acrelândia, deu uma fechada federal nas torneiras da prefeitura. Disse que ficou assombrado com o que encontrou nos cofres. Era muito gasto esquisito.

Bem mais calmo
Talvez os dois mandatos anteriores tenham acumulado sensatez ao prefeito de Bujari, João Padeiro (PDT), que desta vez anda mais calmo, sem aqueles arroubos de antigamente, quando diziam que ele queria “ser o doido”.

Esfriou
Parece que esfriou o acordo entre o deputado Luiz Tchê (PDT) e seu primeiro suplente, o ex-secretário de Saúde do Acre, Gemil Júnior. Estava tudo certo que Tchê se afastaria por quatro meses, mas há um mês não se toca no assunto.

Não é hora de relaxar
A boa repercussão da entrevista concedida pelo secretário de Saúde do governo do Acre, Alysson Bestene, no Acrenews desta quinta-feira, 15, obrigou ele a fazer uma ressalva. É fato, segundo ele, que deu uma equilibrada a luta contra a Covid, mas que isso não significa afrouxar as restrições. “O bicho ainda tá pegando”, diz ele, usando uma metáfora para dizer as pessoas que não relaxem.

Até quando?
Já tem uma aposta na bolsa sobre quanto tempo durará essa amizade do prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim (MDB), com o senador Sérgio Petecão (PSD), seu candidato a governador.

“Jesus é quem sabe”
Perguntado se ano que vem disputa para deputado federal, como já foi conversado ainda na campanha, o vice-prefeito de Cruzeiro do Sul, Henrique Afonso (PSD), que já foi três vezes parlamentar em Brasília, respondeu o seguinte: “Jesus é quem sabe”. O que não deixa de ser uma linda resposta, na minha opinião.

Alan Rick senador
Aparecer como o deputado federal mais bem avaliado nas pesquisas era tudo o que a militância do deputado federal Alan Rick (DEM) queria para arrochar ainda mais o nome dele nas redes sociais como pre-candidato a senador. De fato, os mais de 13% de aprovação do mandato dele é uma bela referência.

Não briguem
Apesar de o senador Sérgio Petecão (PSD) estar com a campanha na rua para a disputa do governo em 2022, não adianta os apoiadores do governador Gladson Cameli (Progressistas) procurar briga com ele. É que até o tempo hábil ainda há chance de eles se acertarem ai os puxa-saco são danados para ficarem com cara de Amélia.

EVANDRO CORDEIRO

COLUNA DO EVANDRO | Duas ex-deputadas federais que andavam sumidas poderão voltar à cena em 2022 no Acre

Publicado

em

As eleições de 2022 no Acre devem protagonizar a volta de duas ex-deputadas federais que estavam desaparecidas por um tempo: Zila Bezerra, eleita três vezes consecutivas, em 1990, 1994 e 1998, viúva do senador Aloísio Bezerra, e Regina Lino, que foi deputada federal de 1996 a 1999. Ambas têm suas histórias fortemente ligadas ao MDB, mas também tiverem passagens marcantes por PTB e PFL, no caso de Zila, e PSDB, caso da Regina.

Partido não revelado

As duas ex-deputadas, Zila Bezerra e Regina Lino, estão praticamente filiadas em um partido, mas a fonte da coluna não abre mão sobre qual seria essa sigla. Segundo a fonte, a preferência é guardar a surpresa para mais na frente por uma razão óbvia: o nome delas poderia afastar outros pretendentes.

Breve história

Regina Lino é uma funcionária da Câmara Federal, filha do ex-governador do Acre e deputado federal Rui Lino, foi vereadora em Rio Branco, de 1988 a 1992, pelo MDB, em seguida vice-prefeita da capital pelo PSDB, até 1996, sendo Jorge Viana o prefeito. Zila Bezerra é funcionária do Itamaraty e teve três mandatos de federal pelo MDB, PFL e PTB.

Bittar ministro

O senador Márcio Bittar, de saída do MDB, de fato poderá ser ministro de Bolsonaro a partir de abril de 2022. Deverá assumir o lugar de Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional. Mas ele disse à coluna o seguinte: isso não é prioridade. Não vai sair correndo atrás disso. “Como tenho dito: se tiver que ser será”, diz.

Anúncio adiado

Charlene Lima, que vem de dois baques duros na vida, deverá disputar as eleições em 2022. Presidente do PTB no Acre, ela concorreria para federal. Depois de perder uma das irmãs na semana passada, ela adiou o anúncio oficial, que deverá vir com um desabafo sobre tudo o que ela passou em 2018.

Vai acontecer na boa

“Somos civilizados, razão pela qual não tenho dúvidas que vamos nos entender – e bem”. Frase do Pedro Valério, presidente do PSL, após a formação da comissão que vai cuidar da fusão de seu partido com o DEM do deputado federal Alan Rick.

Compra de votos

Dá uma sensação de justiça ver político sendo investigado por compra de votos, mas ao mesmo tempo dá pena do sujeito, uma vez que essa prática virou cultura. O candidato só se elege com dinheiro porque o eleitor se viciou.

Sem protocolo

Gladson Cameli está muito à vontade no cargo de governador. Principalmente com o recuo da pandemia, ele começou a se soltar ainda mais, uma vez que tem obras espalhadas por todo o Estado. Hoje está em Cruzeiro do Sul, na festa de 117 anos do município, quebrando todos os protocolos, uma marca dele.

Chapa virtual

Sem a possibilidade de coligação, é praticamente impossível descobrir as chapas que estão sendo formadas nos bastidores, mas todos os dirigentes de partidos têm a mesma fala. “Eu tô com uma chapa para eleger dois ou três estaduais e, no mínimo, um federal”, repetem todos.

Briga por política

Os municípios de Brasileia e Sena Madureira disputam, palmo a palmo, quem é o mais confusento, politicamente falando. Em um, blogueiro vai aos tapas com vereador. No outro, vereador chama repórter para a porrada. Pense.

Nem reza dá jeito

De reza em reza a prefeita de Tarauacá, Néia Sérgio (PDT), vai encarando os problemas de seu município, que são muitos. Está difícil. Parece que enterraram a cabeça de um jumento naquela região. Quando não é uma coisa, é outra.

Continue lendo

EVANDRO CORDEIRO

COLUNA DO EVANDRO | A sensível diferença do Governo Gladson para os de esquerda em relação a corrupção

Publicado

em

O governador Gladson Cameli (Progressistas) nem bate a passarinha quando surge um ou outro problema em sua gestão que seja preciso algum órgão de controle entrar em ação. Primeiro, e sobretudo, porque não age como maioria dos governos de esquerda, contumazes protetores de “companheiros” traquinas. O Cameli não permite que nada seja colocado para debaixo do tapete. Ele disse um dia numa roda onde eu estava, inclusive: ama os amigos, mas não vai para a cadeia com nenhum. Tipo: quem fizer bobagem coma seu angu sozinho. No Progressistas, partido dele, não tem companheiro, tem correligionário, aliado, e não tem cláusula nessa relação que indique proteção para quem faz cagada. Gladson, a rigor, foi o primeiro governador da história a criar, como uma das primeiras medidas, uma Delegacia de Polícia anticorrupção. Pouca gente sabe que o governador mandou criar um pelotão de inteligência, com curso em Brasília, de longa duração, para que o combate a atos ilícitos na gestão pública seja inteligente e fatal. Como dizia aquele velhinho na propaganda da BR: a diferença é grande, né não?

Rocha fica no PSL

O vice-governador, Major Rocha, fica no PSL, partido que acaba de se fundir com o DEM e vai ter outra sigla ainda não definida. Rocha disse a coluna que só não decidiu se disputa para federal ou estadual, porque está esperando a irmã, deputada federal Mara Rocha, se decidir.

Obstáculos

Mara Rocha, a rigor, poderá disputar o governo. Poderá, porque tem alguns obstáculos no caminho ainda. Dois exemplos: o PL, para onde ela vai, está sendo reorganizado. A turma anterior teria deixado o partido com muitas pendências. O outro é que vai esperar a reação do povo pelas pesquisas.

Grupo forte

Márcio Bittar, ainda no MDB, passa a controlar, depois dessa fusão de DEM com PSL, pelo menos seis partidos importantes no Acre. É uma vantagem e tanto para quem quer tocar uma candidatura ao Senado em 2022, no caso da Márcia Bittar.

Gelado

Calmo, frio como costa de rã, o senador Márcio Bittar sabe chegar onde quer. Controla o PSL e o DEM, mas estendeu tapete verde para o deputado federal Alan Rick, que também tem interesse em disputar o Senado. Liguei para os dois fazendo a mesma pergunta e a resposta de ambos foi a mesma: “Com o Márcio Bittar eu converso”; “Com o Alan Rick eu converso”.

Mão aberta, mão fechada

Dizem pelas beiras do rio Iaco o seguinte: o que prefeito Mazinho Serafim (MDB) tem de gastador, mão aberta, a mulher dele, deputada estadual Meire, tem de mão fechada. O bom é que isso dá o equilíbrio.

Apelo?

Presidente do PT, o Cesário Braga, não está mentindo quando diz que tem muita gente pressionando Jorge Viana para que dispute o governo. Só esquece de dizer quem são essas pessoas, maioria ex-componentes das gestões petistas, com saudades do poder. No povão mesmo não há esses apelos.

Tem que ter apelo

Para disputar o governo de um Estado de forma competitiva, a pessoa precisa ser o centro de um apelo popular. Os taxistas pedem ele como governador, os catraieiros, os bombeiros, alguém da sociedade organizada precisa estar chamando por essa pessoa. Até o momento não apareceu esse sujeito no Acre, com exceção do atual governador, que por estar no poder tem muitos apelos em favor de sua candidatura a reeleição.

Todos tem direito

Mesmo assim, na democracia, toda candidatura é legítima. Qualquer pessoa, independente de apelo, pode disputar o cargo que quiser e isso é bom. Agora ser competitiva é outra história.

“Chaverinho” da senadora

A coisa mais interessante do Acre tem sido as andanças da senadora Mailza Gomes (Progressistas) com seu “chaverinho” a reboque, a Theodora. Com um ano e pouco, a filha já fez mais aventura do que muitos marmanjos. Esses dias estava dentro de uma embarcação pelos rios de Tarauacá.

Futuro do Acre

Muitas ligações de pessoas ligadas ao agronegócio depois que o AcreNews publicou matéria sobre o cultivo do caju em Sena Madureira. Maioria das pessoas dizem que o Acre poderá ser um celeiro, em breve, com muita gente enriquecendo e gerando renda, bem diferente da florestania, que empurrava o pobre do colono para tirar óleo de copaíba.

Acerto grande

Tem que admitir: o governador Gladson Cameli acertou com o Neném Junqueira na gestão da Agricultura. Além de conhecer do negócio, Junqueira é madrugador.

Convocação

Com a regra do jogo político extinguindo as coligações, todo sujeito que tem potencial de voto será “convocado” pelos partidos para ir a disputa em 2022. Não tem alternativa para quem quer eleger parlamentar.

Regra no PSL

Para ficar no PSL e disputar as eleições 2022, tem a seguinte regra para seguir, segundo o presidente Pedro Valério: apoiar Bolsonaro, Gladson e Márcia Bittar. Ponto final.

Crescimento do PSC


O presidente estadual do Partido Social Cristão – PSC, Robson Aguiar de Souza, tem andado pelas estradas do Acre para o crescimento do partido, chegando ao Vale do Juruá. Em cruzeiro do Sul, a agremiação municipal será comandada pela professora Mônica de Almeida Silvério de Araújo, esposa do Comandante do Corpo de Bombeiro Militar de Cruzeiro do Sul, Coronel e Pastor Marcelo Araújo.
O presidente tem buscado colocar “pessoas novas” na política, com a finalidade de mostrar para a população outros nomes que também podem exercer um mandato parlamentar: “Conheço o casal há vários anos, e a professora Mônica tem qualidades de sobra para gerenciar o partido em Cruzeiro do Sul. Ela é a modelo de figura feminina do povo cruzeirense: mãe, esposa, trabalhadora (professora), auxiliar do esposo que é pastor, e ajuda em obras sociais pela região”. Acredito que conduzirá o partido debaixo de orações e das mãos poderosas do Senhor.”

Continue lendo

RUBEDNA BRAGA

Coluna da Rubedna Braga

Publicado

em

CURSO DE RUDIMENTOS RÍTMICOS NA BATERIA

Começou na terça-feira, dia 21, às 14h, no Teatro Hélio Melo o Curso de Rudimentos Rítmicos aplicados à bateria, com os professores Paulo Nobre e Jorge Anzol. São 25 vagas destinadas aos amantes da bateria em nível intermediário. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo número 99206-4033.

O curso tem 40 horas de duração distribuídas em 8 encontros presenciais. Aprovado no Edital de Formação lançado pela Fundação Elias Mansour, a iniciativa tem financiamento da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc.

Os experientes músicos Paulo Nobre e Jorge Anzol pretendem ensinar de uma maneira didática, lúdica e prazerosa a cultura rítmica norte americana com matriz africana, através dos ritmos que serviram como base para grande parte da música forjada naquele país, e no resto do mundo, como o blues, jazz, rhythm and blues, soul e o rock, pavimentado a estrada da  música contemporânea ocidental.

A prática da bateria em nível intermediário enfoca o desenvolvimento da coordenação motora necessária para a prática instrumental, voltada aos diversos gêneros que utilizem a subdivisão do pulso em quatro partes, e a inclusão de gêneros que realizam a divisão do pulso em 3 partes, com vistas ao desenvolvimento artístico pelo aprendizado crítico-reflexivo dos conteúdos.

DONA HELENA

Estreia nos dias 29 e 30 de setembro, na Usina de Arte

O monólogo “Dona Helena” ganha nova montagem e será apresentado pelo ator e produtor cultural César Júnior, de forma presencial, nos dias 29 e 30 de setembro, na Usina de Arte João Donato, com financiamento da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc. O monólogo, que aborda temas como preconceito, saúde mental e falta de empatia, tem produção e co-direção do próprio ator, que é formado pela escola centenária Martins Pena e acadêmico da UNIRIO.

O espetáculo estará em cartaz na Usina de Arte durante duas noites, nos dias 29 e 30 de setembro. No primeiro dia, 29 (quarta-feira), haverá uma exibição fechada apenas para convidados da imprensa, seguida de um bate-papo com apresentação de Thainá Matias e três convidadas, Karen Aiache, Rubby e Marian Brilhante. Já no dia 30 (quinta-feira), o espetáculo é aberto ao público e gratuito, com o objetivo de levar o monólogo para mais pessoas, no dia 6 de outubro haverá a apresentação teatral online disponível aos internautas a partir de 12h, no canal do ator no YouTube. Para assistir, basta acessar o link na bio do Instagram @frcesar, nessa data.

SANTUÁRIO DIVINA MISERICÓRDIA

A Diocese de Rio Branco retoma as atividades para a construção do Santuário Divina Misericórdia. O templo religioso vai atender as comunidades dos bairros Portal da Amazônia, Waldemar Maciel, Vilage Tiradentes, Jardim Europa e os condomínios Chácara Ipê, Ecoville, Recanto Verde e Swiss Park, além da comunidade católica de todo o Estado.

O lançamento da pedra fundamental aconteceu em 2019, com uma missa campal e apresentação e envio das comissões responsáveis pelas diversas frentes de trabalho. Mas, devido a pandemia, as atividades foram suspensas no início de 2020, retornando agora com diversas atividades para arrecadar recursos para a construção da obra.

A primeira atividade vai acontecer no próximo sábado, com a apresentação do projeto arquitetônico do Santuário. Na ocasião, haverá uma missa campal e um show musical. Durante o evento, os arquitetos responsáveis irão apresentar a fachada do Santuário e o padre Jairo fará uma apresentação musical para celebrar o momento.

*

*

De passagem por Rio Branco, o advogado Valadares Neto nos fez uma visita no cerimonial e de quebra um legitimo Luizi Bosca Malbec, que será devidamente degustado como manda o figurino. Thanks!

CHEGOU!

Começamos a estação mais colorida e linda: a primavera! Para brindar a estação, vitrines assinadas por Daniel Cruz fazendo com flores os modelitos das novas tendências da estação: amarelo, rosa, laranja e tons de verde. Um arraso!

CIRCO BRODOWAY

Vale a pena prestigiar as últimas apresentações? Aqui na cidade, do Grand Circo Broadway.

 Após um ano e meio sem espetáculo, o Circo retomou suas apresentações em alto estilo e em breve levanta acampamento.

Então, respeitável público! O espetáculo vai começar!

ENLACE MATRIMONIAL

Os jornalistas Melissa Jares e Ailton Oliveira confirmaram os votos de casamento civil na última sexta-feira, com a presença de seus pais e padrinhos. Mas o casal já agenda uma festa para poucos e bons na celebração religiosa que será anunciada logo, logo! Parabéns, parabéns.

Momento do noivo jornalista Ailton Oliveira colocando a aliança no dedo da linda Melissa
Os pais da Melissa, Ana Lúcia e Alfredo Daou
Os nubentes exibindo a certidão de casamento
O casal Melissa e Ailton Oliveira após o casamento civil
O casal Melissa e Ailton com o padrinho Tião Bocalom

*

Os parabéns e muitos vivas para a aniversariante de hoje, a médica Vanessa Bianca Batista, acreana, residindo e trabalhando há vários anos em Salvador, onde fixou residência com o marido e seu filho. Parabéns Vanessa!

CÂMARA MUNICIPAL COMEMORA 58 ANOS DE FUNDAÇÃO

Os 58 anos da Câmara Municipal foi marcado com por uma vasta programação. O prefeito Tião Boacalom esteve presente nas comemorações juntamente com o secretário da Casa Civil José Waltin da Silva. Na foto o presidente do parlamento mirim vereador N. Lima ladeado por Bocalom e Waltin.

*

Na última quinta-feira, prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, acompanhou, no início da manhã, a senadora Mailza Gomes (PP) em uma visita à usina de beneficiamento de asfalto da Empresa Municipal de Urbanização (Emurb), localizada no Distrito Industrial da capital.

Na ocasião o prefeito apresentou à parlamentar a estrutura de que a prefeitura dispõe para a produção do asfalto utilizado na pavimentação de ruas e avenidas da cidade.

*

A linda Ianna Biancard ganhou uma linda festa surpresa de seus amigos de trabalho no Ministério Público por ocasião de seu aniversário. Meiga e carinhosa, também foi festejada e paparicada por seus familiares. Parabéns!

*

Um clic especial da advogada Socorro Souto com a filha a médica Cínara Lisboa por ocasião de seu aniversário. Vivas para a Cínara!

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Engenharia e Tecnologia