Connect with us

INTERIOR

Fábrica de farinha em Plácido de Castro tocada por igreja gera emprego, renda e ajuda a resgatar vidas

Publicado

em

O projeto Amo a Todos, da igreja Tenda dos Milagres, tem transformado vidas na região do município de Plácido de Castro, principalmente, por meio de uma agroindústria de beneficiamento de mandioca. A ideia de produzir e empregar para ajudar a salvar vidas é do pastor Carlos França, um ex-empresário que largou tudo para cuidar de gente, por meio do evangelho de Jesus Cristo. Em menos de três anos é visível o sucesso, sobretudo pelo alcance social. Além de cerca de 21 empregos diretos, ao menos 100 famílias têm sido abençoadas e dezenas de dependentes químicos assistidos.

A agroindústria foi instalada no terreno da própria igreja, um espaço onde antigamente funcionou uma olaria. Os cerca de 30 mil metros quadrados de terreno fervilham dia e noite, com gente indo e vindo. Quando a fábrica para, o culto começa e, muitas vezes, as coisas acontecem ao mesmo tempo. A Tenda dos Milagres é um hospital para a cura espiritual. Muitos dos obreiros auxiliares do presidente Carlão França são almas resgatadas pelo próprio trabalho da denominação, iniciado há cerca de anos, apenas com sonhos. “Eu comecei na sala de uma autoescola”, conta o pastor França, um sujeito de um metro e oitenta de altura de pura gentileza, que hoje cuida de gente e muitos implementos agrícolas, inclusive tratores de pneus, entre as muitas máquinas que fazem a geringonça toda funcionar para produzir quilos e quilos de farinha, produção que começa a chegar no mercado de Rio Branco e já bem aceita pela qualidade espetacular.

Segundo o pastor Carlão, um homem acostumado com produção em larga escala, uma vez que é um dos primeiros colaboradores da Coca-Cola, a fabricação dos subprodutos da mandioca ainda não está perto do que tá planejado. O mercado quer a produção, mas ainda não tem o produto plantado na escala necessária. “Não tem macaxeira suficiente aqui na região. Por enquanto estamos utilizando roçados de pequenos produtores, mas quando tiver o produto vamos fabricar em alta escala. Até outros estados já se interessaram pelo nosso produto”, diz ele.

Enquanto não começam as grandes produções, os primeiros experimentos vão sendo absolutamente útil naquilo em que a igreja se propõe, o alcance social. Como está claro, diz o pastor, muitas vidas têm sido beneficiadas com renda e outras, escravizadas pelo vício, resgatadas. Por enquanto, apenas o Governo do Estado tem se interessado pelo trabalho da Tenda, com apoio técnico e com máquinas. Mais na frente Carlos França espera chamar a atenção demais instituições e pessoas. “De alguma forma Deus tem suprido todas as nossas necessidades, até aqui, mas quanto mais mãos dadas, mais pessoas serão beneficiadas”, diz o líder. 

CONHEÇA A MANDIOCA

Manihot esculenta, conhecida como mandioca, macaxeira, aipim, castelinha, uaipi, mandioca-doce, mandioca-mansa, maniva, maniveira, pão-de-pobre, mandioca-brava e mandioca-amarga, é uma planta tuberosa da família das Euphorbiaceae. Esta planta é nativa da América do Sul, no entanto está presente em muitas regiões do mundo.

O seu consumo só pode ocorrer depois de cozimento que reduza conteúdo de HCN (cianeto de hidrogênio) para níveis muito reduzidos. Como o cianeto de hidrogénio é um composto muito volátil a sua redução ocorre devido à temperatura de cozimento que origina a sua evaporação.

É a terceira maior fonte de carboidratos nos trópicos, depois do arroz e do milho e é um dos principais alimentos básicos no mundo em desenvolvimento, existindo na dieta básica. Espalhada para diversas partes do mundo, tem hoje a Nigéria como seu maior produtor.

Tenda dos Milagres completa 14 anos as margens do rio Abunã

A igreja Tenda dos Milagres é estabelecida, literalmente, numa tenda, há 14 anos. Está localizada na Rua Zuíla Ferreira de Freitas, 170, Bairro Rapirrã II, cercada por uma mata virgem de propriedade particular. São 30 mil metros quadrados de muito amor e a igreja tem o formato de tenda, com chão de barro. “Tudo como Deus mandou”, diz o pastor Carlão. Ao lado da igreja está a fábrica de subprodutos da macaxeira, além das máquinas agrícolas. Há também casas de morada. O ambiente, por aí só, sugere muita paz.

A Tenda cresceu e se expandiu em uma década e meia. Além da sede, na periferia de Plácido de Castro, filiais foram inauguradas em Rio Branco (bairro Conquista), Capixaba, Senador Guiomard, Acrelândia, Buritis (RO), São Carlos (RO), Porto Maldonado, no Peru, e em La Paz, capital da Bolívia. Há também outras várias congregações e pontos de cultos espalhados pelo Abunã.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

INTERIOR

Novo espaço cultural entregue pelo Estado reúne entretenimento e geração de renda durante o Festival do Açaí

Publicado

em

Por

Iniciou-se na última sexta-feira, 12, a 23ª edição do Festival do Açaí, uma das maiores festas culturais do Acre. O tradicional evento acontece no novo centro de eventos de Feijó, entre os dias 12 e 14 de agosto.

O espaço utilizado para a festa foi construído pelo Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Seinfra), com o investimento de R$ 3,5 milhões, fruto de recursos próprios, e tem como objetivo garantir um espaço cultural com estrutura adequada e moderna a população.

“O centro de eventos possui mais de 500 metros de extensão e é a sede deste lindo evento, que vai gerar renda e emprego para esse município”, frisou o titular da Seinfra, Cirleudo Alencar.

O prefeito de Feijó, Kiefer Cavalcante, agradeceu o Estado e falou sobre o festival

“Vimos a alegria da população com os shows. O Festival do Açaí é um evento para as famílias e todos os empreendedores, traz cultura e desenvolve o comércio local”, destacou.

Além dos ambientes para as feiras de comidas típicas, brinquedos e artesanatos locais, o centro conta com um espaço exclusivo para shows.

Jocinélio Braga, de 48 anos, levou a família e aproveitou o novo espaço.

“Aproveitei o festival para trazer os filhos, e hoje vou assistir ao príncipe do teclados, o Zezo”, contou, na noite deste sábado, 13.

“Eu trabalhava no seringal e consegui o meu carrinho de vendas e esse espaço na feira. O novo centro de eventos também é muito bom, grande, mais pessoas podem trabalhar na feira”, é o relato de José Monteiro, 56.

Continue lendo

INTERIOR

Estado e Prefeitura de Cruzeiro do Sul lançam programa para garantir melhorias a estradas vicinais no Vale do Juruá

Publicado

em

Por

Nesta sexta-feira, 12, o Estado, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem do Acre (Deracre), participou de solenidade do Sindicato Rural do município de Cruzeiro do Sul, onde foi lançado o Programa de Ramais, que visa atender mais de 480 km de estradas vicinais no Vale do Juruá. O evento ocorreu na Comunidade Santa Luzia.

O presidente do Deracre, Petronio Antunes, enfatizou que o lançamento do programa no Vale do Juruá deve garantir mais trafegabilidade e acesso para mais de 1000 pessoas na região.

“Estamos participando desse evento e garantindo mais obras de melhoramento nos ramais, para que as pessoas tenham mais acesso, e o Estado tem priorizado a população que mora na zona rural”, destacou.

Antunes ressaltou que o Consórcio Adinn & Atlas & Versátil deve avançar com serviços de conservação, terraplanagem, pavimentação, drenagem pluvial, construção de pontes e reabertura de ramais.

“O Estado está investindo mais de R$ 15 milhões em serviços, que devem ser executados em 480 km de ramais para atender quem mais precisa, que é o homem do campo, aquele que mora na zona rural e precisa escoar sua produção”, disse.

Continue lendo

INTERIOR

Estado e Prefeitura de Mâncio Lima entregam nova Ponte do Ramal do Viola e garantem acesso de mais de 300 produtores rurais

Publicado

em

Por

O Estado do Acre, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (Deracre), em parceria com a Prefeitura de Mâncio Lima, concluiu a obra de recuperação da Ponte do Viola sobre o Igarapé Branco, no município.  A nova ponte tem 32 metros de comprimento por 5 metros de largura e garante o tráfego de 300 produtores rurais, no Ramal dos Caetanos.

“É com imensa alegria que entregamos a Ponte do Viola, uma reivindicação da população que foi atendida pelo Estado e executada em parceria com o Município, para levar mais acesso aos produtores rurais da região”, enfatizou o presidente do Deracre, Petronio Antunes.

A obra de reforma garantiu a troca do pavimento antigo, que deu lugar a uma nova ponte.

“Trabalhamos em parceria com a prefeitura dia e noite para garantir o acesso dessas famílias que tanto precisam escoar sua produção, ter acesso a serviços básicos, como saúde, educação e emprego”, destacou o gerente do Deracre em Cruzeiro do Sul, José Mauri Barboza.

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Soluções Tecnológicas