Connect with us

POLÍCIA

Homem é preso por furtos e assalto após ser liberado em audiências de custódia

Publicado

em

Ascom/PCAC

A Polícia Civil, por meio da 1ª Delegacia Regional da Polícia Civil e Núcleo de Capturas (NECAP), realizou a prisão do nacional P. Jr. da S. L., o qual já se encontrava custodiado no Complexo Penitenciário Dr. Francisco de Oliveira Conde (CP-FOC).

O cumprimento mandado de prisão do investigado se deu dentro do presídio onde se encontrava recolhido pelo crime de violência doméstica no dia 28/07/2021 contra sua parceira, em seguida foi concedido liberdade em monitoramento eletrônico no dia 16/09/2021. Preso novamente no dia 27/09/2021 por crime de furto, mas solto no mesmo dia na audiência de custódia, pois já estava monitorado. No dia 01 outubro de 2021 cortou a tornozeleira eletrônica. Preso em flagrante delito no dia 30/10/2021 por cometer assalto com faca.

As investigações realizadas pela equipe da 1ª Regional apontam o referido indiciado como autor em vários delitos de furtos ocorrido no bairro Bosque e centro da cidade. O nacional é amplamente conhecido pelas Polícias e pelos moradores da região, sendo usuário de drogas e visto frequente no bairro Papoco como morador de rua. Também já fora preso em flagrante delito por diversas vezes pelos crimes de furto, lesão corporal e violência doméstica.

A investigação apontou também que o acusado rompeu equipamento de monitoramento eletrônico. O trabalho de investigação da equipe da 1ª Regional, foi possível angariar elemento de provas suficientes que apontam para o suspeito como o principal autor dos delitos. Razão pela qual a 4ª Vara Criminal da Comarca de Rio Branco expediu o MP nº 0005929-75.2021.8.01.0001.0001, o qual foi cumprido pelo NECAP.

A Polícia Civil, como órgão de polícia judiciária, tem o dever constitucional de apurar as infrações penais cometidas na área de sua circunscrição. Para tanto, em muitas vezes, tirando de circulação àqueles que ameaçam a ordem pública e os direitos dos cidadãos.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

POLÍCIA

Portão furtado de residência é recuperado em Rio Branco

Publicado

em

Por

Ascom/PCAC

Na manhã desta quinta-feira, 27, a Polícia Civil conseguiu recuperar um portão que teria sido furtado na última segunda-feira, 24, em uma residência no loteamento Bom Sucesso.

O portão, avaliado em R$ 6.000,00 (seis mil reais), teria sido retirado do local (o qual já estava fixado) e levado com uso de um caminhão de frete para a residência da nacional T. A. V., de 18 anos. A equipe de investigação da 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil logrou êxito em localizar a referida residência da receptadora e recuperar o bem subtraído.

A suspeita foi levada a Delegacia de Flagrantes (DEFLA) para que seja lavrado o Auto de Prisão em Flagrante (APF) pelo crime de receptação (Art. 180 do CPB). O portão foi restituído a vítima e as investigações darão continuidade, a fim de buscar demais envolvidos no crime e pô-los a disposição da justiça.

Continue lendo

POLÍCIA

Tarauacá: mais de 53 kg de drogas são incinerados

Publicado

em

Por

Ascom/PCAC

A Polícia Civil no município de Tarauacá incinerou na manhã desta quinta-feira, 27, mais de 53 quilos de drogas que foram apreendidas em operações policiais no município.

A incineração contou com a presença de representantes do Ministério Público (MP/AC) do Poder Judiciário e da vigilância sanitária, além dos delegados de Polícia Civil de Tarauacá, e agentes de polícia civil.

A incineração realizada é fruto de operações policiais nos anos de 2019, 2020, e 2021, sendo que na sua grande maioria são drogas apreendidas na BR-364 no ano de 2021.

Com a incineração de hoje, os órgãos constituídos buscam dar uma resposta a traficância e que os órgãos de segurança pública estão atentos e que o ano de 2022 o enfrentamento a criminalidade, sobretudo ao crime tráfico de drogas não será diferente.

Continue lendo

POLÍCIA

Acusado de matar diarista a golpes de ripa passa a ser réu

Publicado

em

Por

Erickon Rodrigues Martins passou a ser réu pelo crime de homicídio. Ao receber a denúncia oferecida pelo Ministério Público do Acre a Juíza da 1ª Vara do Tribunal do Júri escreveu que “A materialidade do crime está demonstrada no laudo de exame cadavérico”, diz um dos trechos da decisão.

A partir de agora Erikson Rodrigues Martins vai responder ação penal, que é a produção de provas no âmbito da justiça pelo crime de homicídio qualificado.

Consta na investigação da Delegacia de Homicídios da Polícia Civil, que o presidiário assassinou a diarista Vildi de Almeida Dantas. O crime aconteceu por volta das seis e meia da noite do dia 2 deste mês, na rua Passarela, região da Nova Estação.

A vítima, foi morta a golpes de ripa na região da cabeça. Na sequência o acusado fugiu, mas foi preso no dia seguinte, ainda em flagrante, por investigadores da DHPP.

Na mesma decisão a magistrada estabeleceu o prazo.

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Soluções Tecnológicas