Connect with us

COLUNAS

O consórcio para derrubar o Gladson

Publicado

em

• Evandro Cordeiro

A antiga oposição, hoje no poder, pode estar desperdiçando a oportunidade ímpar de ficar, senão 20 anos, como a Frente Popular ficou, mas uns 12 anos, folgados, mandando em tudo, revezando governo, senado… Mas o que se desenha foge cada vez mais desse panorama. As razões para tão pessimista conjectura é que os acontecimentos ultrapassam as obviedades. Ao invés de unir, juntar, consolidar, solidificar, o time que ganhou em 2018 está se despedaçando, como bolo em fim de festa. Não precisa ser cientista político para enxergar essa realidade, porque a notícia se espalha como a praga em função da indiscrição dos atores.

O levante é típico de egos inflados e, por isso, o atropelo é geral.
A política se repete desde que os Gregos a criaram, por volta de seis séculos antes de Cristo. Um grupo cai enquanto o rival sobe. É normal o revezamento, mas antecipa-lo não é razoável e nunca foi corriqueiro ao longo da história.

Poucos governos caíram muito cedo. No Acre, a antiga oposição parece interessada em bater esse vergonhoso recorde. Conspira contra si mesma. Desde cedo se consórciou para derrubar seu próprio líder, o governador. Está incomdada, pelo visto, com o sorrisão dele, com a popularidade adquirida por meio de um esforço quase sobrenatural, porque não existem outras razões, pelo menos capazes de ser enxergadas a olho nu.

Ao estabelecer esse consórcio do mal para derrubar um aliado, cujo nome foi usado em 2018 para romper a capitania hereditária de uma família – nenhum outro tinha chance -, os conspiradores parecem nem se dar conta da armadilha contra si próprios. Não se sabe se de propósito ou inocentemente, mas estão acordando, ressuscitando, recolocando no jogo um inimigo tão bem abatido cujo ressurgimento era improvável, a esquerda acreana com seu orquestrador, o PT.


Antes da eleição para prefeito, em 2020, um dirigente da antiga Frente Popular admitiu a este repórter estar ciente da distância entre eles e uma outra vez no poder, dadas as circunstâncias. Além dos números de pesquisas, me disse o sujeito: “nossa maior liderança (Jorge Viana) não pode dar mais nem opinião. É só ele se manifestar nas redes sociais que vem às críticas pra cima dele em formas bem agressivas”. Menos de seis meses depois de ouvir isso, o mesmo dirigente tem outra visão, bem menos pessimista. A antiga oposição, segundo ele, tem recolocado a esquerda em situação de sentido bem antes do esperado. Já se fala até em candiatura ao governo, ao invés de uma parceria com o senador Sérgio Petecão, como se projetava há alguns meses.


Estou escrevendo aqui de Assis Brasil, onde aconteceu um macabro avant premiê em 2020 daquilo que pode suceder a nível de Estado em 2022. Por essas bandas, PSDB e PSD, que estavam no poder, sofreram da mesma vertigem, dado a seus egos inflados. O vice do prefeito Zum Barbosa, conhecido por aqui como Zé do Posto, do PSD, decidiu que era sua hora de virar prefeito.

Ninguém conseguiu demove-lo da estapafúrdia idéia. Resultado: disputou com o Zum e perderam os dois. Para quem eles perderam? Para o Professor Jerry, do PT, um concorrente que chegou a pensar até em desistir da disputa pela elementar razão da rejeição de seu partido. Caso não se curem de seus caprichos e egos inflados, os “aliados” conspiradores do governador Gladson Cameli e seu consórcio vão ficar desempregados bem antes do tempo previsto.

• Evandro Cordeiro é jornalista e colunista

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EVERCLEY MELO

O Acre virou um canteiro de obras

Publicado

em

Nosso estado está vivendo um momento verde-amarelo da construção civil. Vários são os termos assinados de fontes diretas de recursos do estado como também de emendas parlamentares. O que muda e também não se pode deixar de avaliar é, que o ganhador é o povo. Este que tem seu papel mais importante, o da democracia. E que quando colocado em prova, faz de tudo para ter seus direitos preservados, o da cidadania pela escolha que fez, os de seus representantes.

A gestão e o gestor

A gestão sempre será um conjunto de ações para ajudar a administrar tudo aquilo que foi tratado em um ambiente de trabalho.

Agora, para o gestor, cabe a ele a tarefa de executar e bem o que estará em suas mãos. E não se pode falar o contraditório do atual Secretário de Infraestrutura (Seinfra), Cirleudo Alencar, no governo do Estado do Acre. Este veio para ficar lembrado quando lhe for o tempo, e este pedido de tempo vai demorar, pelo menos neste governo será muito difícil de se deixar.

As obras estão a todo vapor nos quatro cantos do estado e na capital.

Gerando emprego e renda

Tudo o que o governo vem tentando fazer é, acabar com essa pandemia e voltar a normalidade, se é que podemos dizer assim. Mas, não se pode deixar de afirmar os esforços para que todos sejam vacinados.

E para que as ações governamentais aconteçam e que aqueles que estavam esperando as portas se abrir, chegou as obras para aquecimento da economia e a geração de emprego e renda na mesa dos acreanos.

A dança das cadeiras, quem vai ficar sentado?

Nos corredores da política acreana se ouve muito sobre quem fica e quem sairá das cadeiras, seja ela estadual federal e senado. O que se pode afirmar com tudo isso é, que não será fácil para ninguém disputar uma cadeira nesta eleição de 2022.

Quem deixa a cadeira e quem senta?

O eleitor terá vários nomes para fazer uma reflexão sobre quem pode ser seus representantes e quem eles podem retirar das cadeiras por não ter sido a voz do povo.

Vale lembrar que a análise não implica somente na conduta política, mas também ver a qualidade de cada candidato apresentado.

O leal e o desleal

O jogo para as eleições do próximo ano será uma das mais intrigantes da história. Pois ela vem com o que se pode dizer, existe lealdade no jogo político ou somente os interesses individuais? Pois de um lado o rato de olho no pires do gato é vice e versa.

Quem será o gato e quem será o rato, somente a população decidirá, mas teremos e veremos lágrimas dos dois lados dizendo que jamais imaginaria tamanha decepção.

Continue lendo

EVANDRO CORDEIRO

COLUNA DO EVANDRO | Gladson não convidou ninguém para disputar o Senado, mas também não pediu a ninguém que desista

Publicado

em

Não é verdade que o governador Gladson Cameli tenha convidado alguém para disputar o Senado. Ele também não pediu a ninguém para desistir. Nem vai pedir. A deputada federal Vanda Milani (PROS) é prova. Ela conta que ele é assim: trata todo mundo bem, chama todos os postulantes de meu senador, mas tem avisado nos bastidores que os interessados devem se viabilizar para lá na frente essa questão ser resolvida. “É o que eu estou fazendo. Tô andando, trabalhando”, diz ela. E está mesmo.

Saída do SD

A deputada Vanda Milani também contou como se deu sua saída do SOLIDARIEDADE. E foi simples. O partido tende a apoiar Lula para presidente. Ela é Bolsonaro. “Só restou sair”, disse à coluna.

Não fica fora

Carlos Gomes, aquele professor que ficou em terceiro lugar na disputa pela prefeitura de Rio Branco em 2016, estará nas eleições de 2022. Ele afirma não saber se como candidato. O mais provável é que seja nos bastidores. Mas ficar fora, nunca! Segundo garantiu.

Nada acertado

A participação do prefeito Mazinho Serafim (MDB) no evento do governador Gladson Cameli com prefeitos nesta terça-feira, 14, se deu pelo mais absoluto sentimento de respeito pela população. O Gladson não olha para a figura do adversário político na hora de ajudar os municípios. Mas é bom que fique claro: não existe nenhum acerto político entre eles.

Greta Torloni

Ninguém melhor que o senador Márcio Bittar (MDB) para responder a atriz global Christiane Torloni, que anda, de seu apartaento, de frente para o mar, no Rio de Janeiro, dando pitaco sobre a construção de uma estrada para ligar o Brasil ao Peru pelo Juruá. É o tipo de ambientalista que age só para agradar um certo público. Quem sabe o que é certo por aqui e quem está lá no campo. “Essa turma insiste numa narrativa cujo resultado é nos deixar pobre a vida inteira”, disse Bittar.

Bobagem

Não adianta deputado federal e senador chegar por aqui pelo Acre mostrando que foi apontado como o melhor político em Brasília, segundo não sei quem. Gente, hoje todo mundo tem informação 24h à disposição.

Vereadora da Baixada

Ex-vereadora, a Graça da Baixada deixou a secretaria de Agricultura da prefeitura de Rio Branco, onde era diretora de ramais desde o início da gestão Bocalom. Está decidindo se disputa as eleições em 2022.

Com o PT

Candidato a governador, que chova ou faça sol, o senador Sérgio Petecão (PSD) deixou claro nesta terça-feira, 14: não terá problema nenhum em estar junto com o ex-senador Jorge Viana (PT) de alguma forma nas eleições de 2022.

Decidido

Sobre o PT, a rigor, está cada vez mais claro que Jorge Viana deverá disputar o Governo. Só há uma razão para ele recuar, o fato de ter disputado eleições atrás de eleições sem meter a mão no bolso e dessa vez, se quiser, ele terá que mexer na conta pessoal.

Indeciso ainda

Ex-vereador, Rodrigo Pinto está ameaçando desembarcar no Acre a qualquer momento, com objetivo de estar na disputa eleitoral do ano que vem. Só não decidiu ainda o que vai disputar. Ele mora em Dubai, onde foi adquirir maturidade.

Jéssica do Alto Acre

Jéssica Sales, a boa deputada federal do MDB, está para afundar as estradas do Alto Acre. Toma café em Capixaba, almoça em Xapuri, e dorme em Brasileia. Quer deixar de ser a parlamentar do Juruá apenas.

Segredo

Não há quem consiga arrancar um nome que seja da chapa do SOLIDARIEDADE, montada pelo presidente Moisés Diniz. Ele só adianta o seguinte: além de não ter ninguém com mandato, a chapa é equilibrada. Todo mundo da mesma altura, diz o Cacique.

Espertos

Os pré-candidatos às eleições de 2022 que têm dinheiro, não estão pagando nem um quibe para o eleitor. Sabem que a forma certa é guardar a grana para a última semana de campanha.

Reação da economia

Professor de economia Alex Barros, nosso consultor financeiro mais famoso, está otimista com a reposta do Brasil e do Acre no pós-pandemia.

Vídeos do AcreNews

Vem aí uma programação inédita de vídeo do site AcreNews. Parecia celebrada com um grupo de jovens artistas que é testosterona braba. Vai ser show.

Continue lendo

RUBEDNA BRAGA

Coluna da Rubedna Braga

Publicado

em

BOTECO DA SIMONE

Uma noite bacanérrima no último sábado, na área de lazer da família Chaves, marcou o aniversário da pediatra Simone Chaves.  Mais uma vez a Simone bisa as suas festas que são surpreendentes!

Conhecida por seu bom gosto este ano, escolheu o tema Boteco para a tertúlia. Decoração temática assinada por Roberto Mancha e Manu, caprichado! No cardápio comidas típicas de Boteco. Som dos mais animados e uma noite pra lá de especial. Parabéns, parabéns!

Simone sempre muito alegre e de bem com a vida ao lado de familiares e amigos. Coisa boa!
Simone com Mário Sérgio e Nadia Canizo
Linda e maravilhooosa a aniversariante Simone com as amigas Giuliana Evangelista e Roberta Lima
A matriarca da família Chaves Cruz com a filha Simone Chaves
Silvane Chaves com seu Ciro e o filho Danilo recém-formado em Medicina
As amigas Simone Chaves e Marina Contijo
Solange Chaves e Mário Penteado com filho e nora
Encontro de três grandes mulheres: Lindas, bem resolvidas e de bem com a vida em noite de comemoração ao aniversário da amiga Simone Chaves. Ana Schirley e Jorgete Nemetala
Seu Ribera com os netos Levi e Daniel
Cínara Lisboa e seu lindo marido Jime Barbosa
Simone ladeada pela amiga Giuliana e Marcos Palácio Dantas
As amigas aniversariantes Simone Chaves e Márcia Abreu
O cantor Sérgio Souto ladeado por Ivan Biancard e Aragão Rocha, no Boteco da Simone

NIVER DA IOLANDA CRISTINA

Pra lá de bom o café da manhã oferecido pela advogada Iolanda Cristina, no último sábado, em torno de seu aniversário. O salão de festa do hotel Terra Verde foi devidamente preparado para receber um pequeno grupo de convidados e familiares que foram cantar os parabéns pra você. Tudo como manda o figurino.

A aniversariante com os irmãos Ciro e Italo com as suas respectivas esposas Thais e Iza
Elas arrasam! As mulheres advogas e empoderadas no niver da Iolanda, no hotel Terra Verde
A aniversariante com a linda Andreia Mesquita e Kauê Facundo

Gilliard e Suellem Rocha com os filhos Thomás e Isabel
Bianca e André Marques com Iolanda Cristina

A essa pessoa especial que é a Fátima Moutinho desejamos muiiiitas felicidades e muitos anos de vida com saúde ao lado de seu Fernando Moutinho. É big, é big…..

Ainda é tempo de parabenizar o nosso amigo um dos musicistas mais simpáticos e afinado, também muito querido entre os amigos. Como falou o amigo cel. Rochinha, vencedor de vário FAMPS. Parabéns, parabéns!

|

Para a juíza Zenair Bueno o trabalho vem em primeiro lugar mais a paixão mesmo é quando está participando dos concursos de três tambores, que alias são frequentes e não deixa por menos. Na foto com o marido o advogado Valadares Neto.

Gente, todas as boas energias a essa grande mulher, mãe dedicada, que é a aniversariante de hoje. Luzineide Viana, mãe do nosso poeta Jackson Viana. A ela toda a nossa admiração.

HOMENAGEM A INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

Consul Teobaldo Reategui Sam Martin, Jorge Rivasplata e sua mulher Guadalupe

Intitulada Independência do Brasil foi a exposição do artista plástico Jorge Rivasplata que teve seu desfecho em frente a prefeitura de Rio Branco, onde ficou durante sete dias, se encerrando no último dia 10, com a presença dos artistas plásticos, poetas, convidados especiais, autoridades civis e militares. Dentre eles a prefeita em exercício Marfisa Galvão, Assessor de Políticas da Prefeitura Helder Paiva, Presidente da Garibalde Brasil Pedro Aragão, historiador José Wilson Aguiar, Glicélio Gomes presidente da Associação dos Artistas plásticos do Acre,  Ministro Teobaldo Reategui San Martin Consul general do Peru juntamente com sua esposa Silvia Aviles e sua assessora Betzebel, artista plástica Nassara Nasserala, empresário Arnaldo (Papelaria Arnaldo),  Guadalupe esposa do Rivas, dentre outros.

Na foto o artista plástico Glicélio, o presidente da FGB, Pedro Aragão, o historiador Wilson Aguiar e o artista plástico e escultor Jorge Rivasplata

Rivas com artistas de renome e convidadas especiais
A dançarina Paula fez uma belíssima apresentação de dança cigana, ela que foi aluna do artista plástico Jorge Rivasplata. Show!

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Engenharia e Tecnologia