Connect with us

POLÍCIA

Polícia Federal faz operação em aldeia indígena para prender traficante e corruptor de menores

Publicado

em

Na data de 29/04/2021, a Polícia Federal deflagrou a operação CAMICUÃ, com o objetivo de desarticular uma associação criminosa voltada ao tráfico de drogas e corrupção de menores com atuação na aldeia indígena Camicuã, localizada em Boca do Acre – AM (distante 222km de Rio Branco-AC).

A ação conta com cerca de 30 policiais federais, que cumprem 04 ordens judiciais de busca e apreensão domiciliar e 01 mandado de prisão preventiva contra o principal investigado.

As investigações tiveram início em 2020 após a Polícia Federal receber informações de que um grupo criminoso havia se instalado na aldeia indígena Camicuã, subjugado moradores locais por intermédio de ameaças exercidas com uso de armas de fogo, além da corrupção de menores indígenas para a prática do tráfico de drogas.

Foto: Reprodução

A operação contou com o apoio da Marinha do Brasil, FUNAI e ICMBio.

A Polícia Federal reforça que a atual pandemia não afetou as investigações e ações da instituição nos crimes de sua atribuição, mas que esta diligência policial foi cumprida em total observância às orientações da ANVISA, sobretudo o uso de equipamentos de proteção individual para resguardar a saúde dos policiais e dos investigados.

A investigação conduzida pela Polícia Federal no Acre foi chamada de “CAMICUÔ, em alusão à terra indígena onde foi realizada a operação.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POLÍCIA

Brasileiro é espancado na Bolívia e bombeiros do Acre fazem resgate

Publicado

em

Por

Na manhã desta quinta-feira, 20, por volta das 9 horas, a guarnição do Corpo Bombeiros do 5°Batalhão, em Epitaciolândia, foi acionada para fazer o resgate de um cidadão brasileiro que encontrava-se desacordado e com suspeitas de agressão física na cidade de Cobija-Pando.

Foto legenda ; Bombeiros realizam resgate de brasileiro em Cobija

A vítima estava desorientada e com hematomas na face, foi encaminhado ao Pronto Socorro de Brasileia onde recebeu os devidos cuidados. A guarnição teve o Apoio da equipe de Bombeiros de Cobija.

[Ascom CBMAC]

Continue lendo

POLÍCIA

Advogado preso com droga no parlatório do presidio tem habeas corpus negado

Publicado

em

Por

Em sessão realizada na manhã de quinta-feira, 20, por meio de vídeo conferencia, os desembargadores que compõem a Câmara Criminal do TJ negaram o mérito de um habeas corpus em favor do advogado João Figueiredo Guimarães.

No recurso a defesa alega que a abordagem ao advogado foi ilegítima, já que não restou esclarecido de onde veio a informação que João Figueiredo estaria portando entorpecentes.

Foi pedido a revogação da prisão preventiva ou a aplicação de medidas cautelares, mas o habeas corpus foi negado por unanimidade pelos três magistrados.

Alvo de uma investigação da Polícia Federal o advogado João Figueiredo Guimarães de 74 anos, foi preso no dia 1ª de outubro do ano passado. O idoso foi flagrado no parlatório do presidio com quase meio quilo de substância entorpecente.

A droga estava nos bolsos do blazer e da calça.  De acordo com a investigação da Polícia Federal o entorpecente seria destinado a membros de uma facção no interior do presidio.

No dia 10 de dezembro passado, a desembargadora Denise Castelo Bonfim, tinha negado a liminar do HC.

Continue lendo

POLÍCIA

Polícia Civil deflagra operação “Status Debitum” no Acre e no Mato Grosso do Sul

Publicado

em

Por

O ex-Procurador Geral do Estado João Paulo Setti e o ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Acre, Erick Venâncio foram alvos de uma ação policial nesta sexta-feira, 21.

A 1ª fase da Operação “Status Debitum” foi deflagrada em Rio Branco e no estado do Mato Grosso do Sul. Durante a ação foram cumpridos 13 mandados de busca e apreensão, sendo oito em Rio Branco e cinco no estado do Mato Grosso do Sul.

A Polícia Civil cumpriu ainda mandado de busca e apreensão na casa de outro advogado. A operação tem por objetivo colher elementos probatórios de crimes contra a administração pública praticados por organização criminosa que atua no pagamento ilegal de precatórios, dívidas do poder público reconhecidas judicialmente.

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Engenharia e Tecnologia