Connect with us

POLÍTICA

Primeiro trabalho social de pós-ocupação é concluído no Loteamento Andirá

Publicado

em

Agência AC

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Regional (Sedur), em parceria com a empresa contratada Rios e Rios, concluiu as atividades relacionadas ao trabalho técnico e social destinado a 149 famílias do Loteamento Andirá nesta quinta-feira, 22, em Rio Branco. Foram realizadas palestras e cursos profissionalizantes que contribuirão com o fortalecimento dos laços comunitários, o acesso a direitos, a autonomia financeira, o desenvolvimento do protagonismo, a autoestima dos cidadãos e a participação social.

As unidades habitacionais foram entregues para as famílias que estavam em locais de situação de risco ou aluguel social. Foto: José Caminha/Secom

A solenidade de entrega dos certificados de conclusão dos cursos de preparação de bolos, tortas e salgados e as oficinas de educação sanitária e ambiental e coleta e destinação do lixo contou com a participação das 149 famílias moradoras do local. Para evitar aglomeração, as duas turmas receberam seus certificados em horários diferentes, pela manhã e a tarde.

As unidades habitacionais foram entregues para as famílias que estavam em locais de situação de risco ou no aluguel social, como foi o caso de Ione Santana e o casal Aurizete de Araújo e Abel de Souza, beneficiados com habitação no loteamento.

Ione Santana beneficiada com uma casa do programa de habitação do governo do Estado. (Foto: Cedida)

“Ganhei minha casa em 2018, antes eu e meus filhos ficamos em um abrigo e depois tivemos o aluguel social. Estou muito feliz com minha casa. No momento estou desempregada e esse curso veio como uma boa oportunidade para eu montar meu próprio negócio, isso vai ser a realização de um sonho”, comemorou Ione Santana.

Aurizete de Araújo e Abel de Souza, beneficiados com uma casa do programa de habitação do governo do Estado. (Foto: Cedida)

“Morávamos em um local de risco e graças a Deus fomos beneficiados com essa casa. Vamos trabalhar com a venda de bolos e salgados para ter renda porque estamos desempregados, o curso nos ajudou muito”, destacou Aurizete de Araújo.

O Instituto de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec) foi parceiro na realização dos cursos. As aulas teóricas e práticas foram executadas no âmbito da Escola de Gastronomia, que possui todo o aparato técnico (estrutura física e equipamentos) indispensável à formação profissional e técnica. A previsão é que, ainda esse ano, esta parceria contemple a abertura de mais de 200 vagas em oficinas gastronômicas destinadas à comunidade.

De acordo com o gestor da Sedur, Luiz Felipe Aragão, o objetivo da ação foi promover a participação social, com a melhoria das condições de vida e a efetivação dos direitos à cidadania dos beneficiários dos programas de habitação do governo estadual.

“A Diretoria de Habitação da Sedur, comandada por Hamilton Melo, tem feito um excelente trabalho na busca de resgatar convênios antigos e conseguir implementar esses cursos, que irão garantir uma capacitação adequada e gerar renda para a população beneficiada. Quero destacar também a equipe do Departamento Social, que faz um excelente trabalho e que sempre busca escutar a população nas visitas que são feitas aos loteamentos”, ressaltou.

As casas do loteamento Andirá, localizado próximo ao campus do Instituto Federal do Acre (Ifac), foram entregues durante os anos de 2018 e 2019. As 386 unidades foram construídas por meio do convênio Pró-Moradia Norte. O convênio garante aos beneficiários a realização de um trabalho técnico-social, com atividades socioeducativas e profissionalizantes. Outras empresas contratadas pelo governo para a realização dessas atividades continuam em campo, para a execução do trabalho nas demais unidades.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POLÍTICA

Em visita a comunidade no rio Caeté, em Sena Madureira, Alan Rick ouve reclamações de multas do ICMbio

Publicado

em

Por

Vários moradores do rio Caeté, do Cazumbá-iracema e localidades vizinhas, em Sena Madureira, estiveram reunidos neste sábado (18), com o deputado federal Alan Rick (Democratas), onde apresentaram algumas demandas para o parlamentar. A principal reclamação diz respeito ao Instituto Chico Mendes para a preservação da Biodiversidade (ICMbio).

Um dos reclamantes é o senhor Raimundo Nonato Jorge da Silva, conhecido como Raimundo Toco. Ele foi multado em 90 mil reais. “Nem mesmo se eu vender a minha propriedade vai dá pra pagar essa multa. É por isso, que estamos pedindo o apoio das nossas autoridades”, frisou.

Os ribeirinhos alegam que receberam multas altíssimas do órgão e estão clamando por ajuda, visto que, não tem condições de pagar.

O pastor Zane que reside na comunidade Cuidado disse que também foi multado em 90 mil reais neste ano. “Temos sofrido muito por desmatar para sobreviver. Eu tenho 32 cabeças de gado, somente e por desmatar 7 hectares fui multado em 90 mil reais. Como é que vamos pagar isso tudo?”, indagou.

Após ouvir os reclames dos moradores, o deputado Alan Rick que estava acompanhado do presidente estadual do Democratas, Jairo Cassiano, e do vereador Elvis Dany, disse que irá se reunir com representantes do ICMbio para tratar sobre essa questão.

Ele gravou em vídeo os depoimentos dos moradores para apresentar aos responsáveis por essa fiscalização que tem resultado em multas para os ribeirinhos. “Entendemos que primeiro tem que haver uma conversa, uma orientação aos moradores. Eles vivem da pecuária de subsistência, de um plantio de um roçado. Tem que orientar, não é chegar multando as pessoas. Vamos procurar o ICMbio para rever essa situação”, destacou o deputado federal Alan Rick.

Continue lendo

POLÍTICA

Prefeitura de Cruzeiro do Sul realiza ações do programa Saúde na Comunidade na zona rural.

Publicado

em

Por

Desde o início do período de verão, todos fins de semana as equipes da secretaria municipal de saúde deslocam-se para a zona rural do município para um dia de atendimento do Programa Saúde na Comunidade. As comunidades escolhidas são aquelas onde o deslocamento dos moradores se torna mais difícil até os postos de saúde mais próximo e também onde os agentes comunitários de saúde detectam maior demanda de serviços.
Neste final de semana a comunidade atendida pelo programa foi no Ramal do Darci, um dos muitos derivados do Ramal III do Projeto de Assentamento Santa Luzia.

O atendimento ocorreu das 8 às 12 horas na escola da comunidade. Foram realizados 107 atendimentos médicos e 69 procedimentos odontológicos, 200 testes rápidos de Hepatites B, C, Sífilis e HIV, 33 doses de vacina contra o Covid aplicadas em adolescentes e 41 doses em adultos, 27 exames laboratoriais agendados, quatro exames de plasmodium (Malária) e 138 dispensas de medicamentos mediante apresentação de receituário médico.

O secretário de saúde Dr. Agnaldo Lima esteve presente onde atendeu também como clínico. Estiveram presentes também a secretária adjunta Valéria Lima, médicos, dentistas, técnicos de enfermagem e saúde bucal e agentes comunitários de saúde.

Também na sexta-feira uma equipe da Coordenação de Vigilância Sanitária realizou ações de combate à malária nas localidades dos seringais Santa Rita e Extrema no rio Liberdade. Foram realizadas borrifação intradomiciliar e entrega de mosquiteiros e cortinados impregnados, além de coleta de lâminas. Das 28 lâminas colhidas apenas uma deu resultado positivo. A continuidade das ações garante que a malária, uma doença endêmica na região norte, seja mantida sob controle.

“Desde o início da gestão foi uma determinação do prefeito Zequinha realizar estas ações para alcançar as comunidades mais isoladas, onde existe mais dificuldade de aceso aos serviços de saúde. E temos contado com o esforço e o empenho de cada profissional de saúde, dos médicos e dentistas, enfermeiros, técnicos, agentes comunitários de saúde e pessoal de apoio para realizar estas ações que acontecem toda sexta-feira nos ramais”, explicou o secretário de saúde Agnaldo Lima.

“Temos que aproveitar enquanto o verão possibilita o deslocamento por terra de nossas equipes, levando medicamentos, equipamentos, vacinas para chegar até a comunidade com as ações de saúde que muitas vezes os moradores tem dificuldade em se deslocar até o posto de saúde”, disse o prefeito Zequinha.

Continue lendo

POLÍTICA

Assis Brasil: Prefeitura entrega beneficiadora de arroz e barco voadeira para comunidade do Icuriã

Publicado

em

Por

Neste sábado, dia 18, o prefeito de Assis Brasil, Jerry Correia, realizou a entrega de um barco de alumínio com motor tipo voadeira e uma beneficiadora de arroz para os moradores da comunidade Icuriã. Também participaram do ato o vice-prefeito e Secretário de Obras, Reginaldo Martins, o presidente da Câmara, Wendell Marques, o vereador Jura Pacheco, a Secretária de Saúde, Júnia Almeida e o presidente da Amopreab e da Coopeab, José de Araújo.

“Nossa comunidade está muito satisfeita com o trabalho do prefeito e sua equipe. Nesses poucos meses de gestão já recebemos vários benefícios, muito mais do que nos últimos 8 anos”, afirmou Francisco Rodrigues, morador da localidade.

Durante sua fala o vice-prefeito e Secretário de Obras fez uma explanação dos trabalhos de reabertura de ramais. “Estamos fechando quase 100% dos nossos ramais recuperados. Foi o maior desafio, para uma nova gestão que só encontrou sucatas. Nosso prefeito nos deu todas as condições para trabalhar e vamos fazer muito mais nos próximos anos”, disse Martins.

O barco entregue para a comunidade pertence à Secretaria Municipal de Saúde e, segundo a secretária, vai servir para resgatar pacientes com rapidez durante o período de chuvas.

“Por determinação do prefeito estamos destinando este meio de transporte para esta comunidade. Aqui também estamos apresentando um técnico de enfermagem que vai atender no posto de saúde que foi recém-inaugurado”, informou Junia Almeida.

Presente na reunião, o presidente da associação dos moradores da Resex, José de Araújo, falou da importância do trabalho coletivo e que a atual gestão tem buscado isso.

“A COOPEAB (Cooperativa de Pecuária, Agricultura e Extrativismo de Assis Brasil) irá montar uma grande estrutura no município para comprar a produção agrícola e extrativista. Já fechamos parceria com a Prefeitura e temos o apoio da Câmara de Vereadores para poder desenvolver nossas ações”, garantiu o presidente.

A máquina beneficiadora de arroz irá apoiar todos os moradores que cultivam o grão, em especial os da comunidade Santa Fé. O equipamento foi adquirido por meio de uma solicitação do presidente da Câmara de Assis Brasil ao Secretário de Estado de Meio Ambiente, Israel Milani.

“Fico feliz em poder está aqui com o prefeito e colegas para trazer benefícios aos moradores desta região. Quero registrar um agradecimento especial ao Secretário de Estado, Israel Milani, que prontamente atendeu um pedido que fiz juntamente com o prefeito.

Quem também usou a palavra foi o vereador Jura Pacheco. Em sua opinião a atual gestão está no caminho certo e sempre deve ter humildade para melhorar o que precisa ser melhorado. “É evidente que esta gestão já fez muito em tão pouco tempo. Tem muita coisa ainda pra arrumar, mas é com um passo de cada vez que se chega mais longe. Nós vereadores estamos apoiando o prefeito em sua luta, fiscalizando as ações e cobrando os resultados”, disse Pacheco.

Jerry agradeceu pelo carinho recebido e disse que a comunidade do Icuriã voltará a ser uma referência positiva.

“O Icuriã tem uma das histórias mais lindas do Acre. Sempre foi uma terra próspera, com gente honesta e trabalhadora. Aqui já foram realizados muitos eventos religiosos, culturais e esportivos. Por um tempo, esse povo ficou esquecido, mas chegou a hora de ser feliz de novo. Aqui, vocês não têm apenas um prefeito, vocês tem um amigo”, afirmou Correia.

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Engenharia e Tecnologia