Connect with us

CULTURA

Sem eventos no Acre, peruanos vão ter programação especial para comemorar bicentenário da independência

Publicado

em

Por Wanglézio Braga / Foto: Reprodução

A República do Peru completa no próximo dia 28 de julho seus 200 anos de independência e por causa da pandemia do novo coronavírus, os ‘hermanos’ que vivem no Acre não vão realizar as tradicionais festas para comemorar a data. Por vários anos, os peruanos e descendentes que vivem em Rio Branco aguardavam com muita expectativa o feriado para relembrar a cultura ancestral dos Andes e reverenciar a sua pátria. No entanto, haverá uma programação online oferecida pelo Governo do Peru a todos os compatriotas espalhados pelo mundo.

Por causa da relação cultural e geográfica do Acre com o Peru, muitos peruanos escolheram viver no nosso estado onde enxergaram novas oportunidades de crescimento. De acordo com a Embaixada do Peru no Brasil, cerca de 300 peruanos possuem autorização oficial para morar no Acre, no entanto, o número é bem maior tendo em vista que muitos deles não realizaram os trâmites necessários para a regularização.

Em anos anteriores, a pequena comunidade peruana em Rio Branco realizou nesta data, eventos culturais em restaurantes ou em residências que servia para enaltecer os costumes e a gastronomia daquele país com destaques para pratos diversificados que fundem com as colonizações antigas peruana com a cozinha espanhola, africana, japonesa, chinesa e coreana, além de bebidas com ingredientes típicos dos altiplanos dos Andes.

“Era uma delícia participar dessas festas. Era o único momento para se lembrar do nosso país. Muitos não seguraram as lágrimas, a gente se sentia homenageado mesmo vivendo há quilômetros de distância. Infelizmente, a pandemia afastou e impossibilitou a organização desses eventos, pela segunda vez. Mesmo assim, não tem como não comemorar, mas no futuro bem próximo os brasileiros, os acreanos e os peruanos, todos juntos, faremos uma grande festança”, lembra e comenta Hector Padilha, comerciante e morador do bairro Cadeia Velha.

Para a data não passar em branco, a Embaixada do Peru no Brasil lançou uma programação online intitulada: “Unidos pelo Bicentenário – 200 anos de independência”. A partir das 15 horas (horário local) será transmitido simultaneamente a partir da “Praça Maior”, em Lima, apresentações folclóricas com coreografia de conteúdo cerimonial, visuais, musicais e linguísticas, que destaca valores, criatividade e diversidade dos povos do Peru.

“Infelizmente a gente não vai fazer programação presencial aqui no Acre por causa da pandemia, no entanto, os nossos compatriotas e cidadãos do mundo todo, inclusive os acreanos que são convidados, poderão assistir às apresentações culturais comuns em dias de festa lá do Peru. A programação foi pensada justamente para enaltecer a nossa cultura e dar um abraço nos nossos irmãos que estão espalhados pelo mundo, vivendo nesta pandemia. Ou seja, a gente convida todo mundo a conferir a programação, vai ser emocionante”, ressalta Ricardo Vargas, membro do Consulado em Rio Branco.

Para assistir a programação basta acessar o evento abaixo.

Em Rio Branco, o executivo acreano deve iluminar a fachada do Palácio Rio Branco, sede do governo, com as cores que predominam a bandeira do Peru: Vermelho e Branco. A singela homenagem foi realizada no ano passado, no período da pandemia, e deve ocorrer neste ano a pedido da embaixada.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CULTURA

Vem aí na Rádio Gazeta o programa mais completo do Estado: Recordar é Viver na FM 93.3

Publicado

em

Por

Amazonoticias

Está de volta no seu rádio neste próximo domingo o Recordar é Viver “O passado de volta em forma de música” , agora todos os domingos de 19h00min às 21h00min a Rádio Gazeta 93.3 FM apresenta um programa diferente com muita música diversão e entretenimento na Apresentação de Nonato Gomes e Nonato Gomes! Convidamos você a ser um parceiro do programa RECORDAR É VIVER. São duas horas de uma programação contagiante, música, esporte, jornalismo, saúde, interação com o ouvinte, promoções! Dicas de emprego, carta do ouvinte e nosso Anjos de plantão onde ajudamos o próximo! 

Conheça nosso programa Ligue seu Rádio na Gazeta FM 93,3 MHz – Todos os Domingos de 19h às 21h.

Estamos na internet e no Rádio e em todas as plataformas Digitais

Continue lendo

CULTURA

Live SAMBA: SEU LEGADO, NOSSA HISTÓRIA

Publicado

em

Por

Eanes Henrique Enes / Fotos: Reprodução

Um projeto que visa consolidar a imagem do samba como patrimônio cultural brasileiro e movimento de resistência que conta história do nosso país.

Dia 23 de setembro/2021: Live Samba: Seu Legado, Nossa História que será um bate papo descontraído entre amigos sobre o samba e sua construção permeado por sambas do repertório do Grupo Moças do Samba que irão surgindo durante a conversa.

Elenco: Carol Di Deus, Narjara Saab, Sandra Buh, James Fernandes e João Gabriel.

Dia 24 de setembro/2021: Live Show Pretas do Samba que consistirá em uma homenagem da moça Narjara Saab à 3 mulheres pretas compositoras, intérpretes e figuras importantes na construção do samba: Clementina de Jesus, Dona Ivone Lara e Leci Brandão.

Elenco: Carol Di Deus, Narjara Saab, Gigliane Oliveira, James Fernandes, Denilson Carneiro, Romenig, João Gabriel e Marcone Potta.

Dia 26 de setembro/2021: Live Show Um Samba Pra Falar De Amor que trará o samba canção cantado pela Moça Carol Di Deus com grandes clássicos que embalarão corações apaixonados.

Elenco: Carol Di Deus, Narjara Saab, James Fernandes, Nilton Castro, Romenig, João Gabriel e Marcone Potta.

Realização: Grupo Moças do Samba.
Produção: Acreativa Produções
Financiamento: Governo do Estado do Acre através da Fundação Elias Mansour com recurso do Governo Federal (Lei Aldir Blanc).

A transmissão será através das redes sociais do Grupo Moças do Samba:

Instagram, Facebok e Youtube.

Continue lendo

CULTURA

Exposição (a)gosto delas chega à Escola de Gastronomia na Cidade do Povo

Publicado

em

Por

Assessoria de Imprensa – FEM / Fotos: Hannah Lidya

“(A)gosto delas” é uma iniciativa do Governo do Acre por meio da Fundação de Cultura Elias Mansour (FEM) com curadoria da Usina de Artes João Donato. A exposição teve sua primeira edição no Memorial dos Autonomistas e contou com 23 artistas, além de outras artistas que contribuíram com sua realização. A mostra reúne expressões de diferentes técnicas, expressões e linguagens.  As obras foram pensadas de forma individual e coletiva e trazem uma perspectiva única sobre o assunto. Cada uma delas é carregada de autenticidade e discutem diferentes questões sobre o feminino, trazendo não só a beleza, mas as diversas “mulheridades”, expressões e denúncias.

A exposição é a extensão de outra que foi pensada no ano de 2020 ” Nascer mulher” que buscava aproximar mulheres de todos os lugares e seguimentos, porém, devido a pandemia da COVID-19, o projeto foi interrompido. A ideia é abranger o diálogo, ver o que cada uma está produzindo e colocar em evidência a sua produção.

Flaviane Rodrigues estava em um curso na Escola de Gastronomia e aproveitou para prestigiar a exposição. Aos 28 anos, ela disse que nunca tinha ido a uma exposição de arte, especialmente apenas de mulheres “Eu acho que deveria ter mais exposições assim, porque agrega na cultura, além de ser uma experiência única e nova.” Disse.

Simone Pessoa é coordenadora da Usina e participou da montagem da exposição e falou de sua importância.

“A cultura é feita pelo povo e para o povo e a gente sabe e tem consciência de que boa parte dos bairros e comunidades não tem acesso, porque isso não está democratizado. A partir do momento em que nós trazemos os artistas, é uma forma de que esta comunidade posso ter acesso e se sinta parte disso.”

Simone Pessoa

A Usina e a escola de gastronomia fazem parte do Instituto de Desenvolvimento da Educação Profissional Dom Moacyr Grechi (IEPETEC). Francisco Weider é o Coordenador de aprendizagem e falou sobre a dificuldade que há em viabilizar o acesso à arte no local devido ao estigma de marginalidade. “É importante que nós comecemos a dar voz a quem necessita dar voz.”. Para o professor, o conhecimento nos torna mais humanos e com maior compreensão, principalmente se relacionadas às temáticas como a da exposição. As obras são uma denúncia, mas elas também acalentam o coração e o espírito.”

Atualmente, a exposição conta com 19 artistas e a pretensão é que as obras visitem outros municípios do estado. A exposição fica disponível no hall do 1° piso da escola, até o dia 30 de setembro. 

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Engenharia e Tecnologia