Connect with us

ACRE

Governo do Acre recebe doação de helicóptero da Secretaria Nacional de Segurança Pública

Publicado

em

Agência AC / Foto: Diego Gurgel/Secom

O governo do Estado do Acre recebeu, da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), a doação de um helicóptero modelo AS 350 B2 (Esquilo), prefixo PR-VCA, para ser utilizado em missões de combate ao crime e no transporte de pacientes em locais isolados. A entrega foi formalizada nesta quinta-feira, 24, no Rio de Janeiro.

Esta é a segunda aeronave doada ao governo do Acre. Foto: Diego Gurgel/Secom

A aeronave é monoturbina e tem capacidade para transportar quatro passageiros e dois tripulantes. A aquisição do veículo foi liderada pelo governador Gladson Cameli, que fez questão de acompanhar todo o trâmite da doação de perto. Cameli enfatizou que a cessão é de extrema importância para o Acre, principalmente por conta de suas peculiaridades geográficas.

“Somos muito gratos ao secretário nacional de Segurança Pública, coronel Renato Paim, e ao governo federal, pois atenderam o nosso pedido e isso é uma grande conquista para o estado, que irá nos trazer inúmeros benefícios”, enfatizou.

A aeronave está montada e pronta para iniciar os testes pós-manutenção. A tripulação do Ciopaer acompanha in loco os devidos reparos e uma complexa manutenção, já que o equipamento tem 12 anos.

A aeronave é monoturbina e tem capacidade para transportar quatro passageiros e dois tripulantes. Foto: Diego Gurgel/Secom

O secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar dos Santos, destaca a importância da aeronave para diversos setores. “Vai atender a saúde, infraestrutura, segurança pública e onde mais houver necessidade. O helicóptero está avaliado em 8 milhões de reais”, aponta.

Trata-se a segunda aeronave doada ao governo do Acre. Em fevereiro de 2019, a Polícia Rodoviária Federal cedeu um avião bimotor Sêneca III, com capacidade para sete passageiros e um tripulante ao Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

O coordenador do Ciopaer, major Samir Freitas, é um dos responsáveis por acompanhar toda a montagem do helicóptero no Rio de Janeiro. Freitas enfatiza que a aeronave deve apoiar muito as comunidades isoladas, principalmente nesta época do ano, em que os rios secam e as comunidades ficam sem o seu principal meio de deslocamento. “Vamos cobrir uma região maior”, explica.

Bebê resgatado por uma das aeronaves do Estado. Foto: cedida

O comandante relatou a ocasião em que salvaram a vida de um bebê que morava em Assis Brasil, no Ramal Icuriã, região isolada: “O bebê nasceu com intestino do lado de fora. Após o resgate, fez a cirurgia e encontra-se saudável. Se não fosse pelo transporte, a criança teria falecido”.

Continuar lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ACRE

Mais de mil empregos são gerados com a execução de obras patrocinadas pelo Governo do Acre

Publicado

em

Por

As oportunidades de emprego na área da construção continuarão aumentando, visto que o governo tem uma extensa programação para a execução de novas obras. Foto: Jean Lopes/Seinfra

Agência AC

O governo do Acre tem investido em obras de infraestrutura em todo o estado e, em consequência, proporcionado o aumento de emprego e renda na área da construção civil. Somente pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Desenvolvimento (Seinfra), cerca de 1.050 empregos diretos e indiretos foram criados em todos os municípios.

De acordo com o gestor da Seinfra, Cirleudo Alencar, as oportunidades de emprego na área da construção continuarão aumentando, visto que o governo tem uma extensa programação para a execução de novas obras. “A previsão das construções em todo o Acre também é movida pelo Programa de Estímulo à Construção Civil para Geração de Emprego e Renda, que prevê a criação de mais três mil empregos diretos”, destaca.

Estão em andamento as obras do Instituto de Meio Ambiente (Imac), em Rio Branco; a construção de poços artesianos em Tarauacá; a reforma do Hospital Abel Pinheiro, em Mâncio Lima; e a construção e reforma dos hospitais de Brasileia e de Manoel Urbano, entre outras. E as obras previstas são de reforma no Polo Naval, Parque Industrial, Colônia de Pescadores e a Avenida Mâncio Lima, em Cruzeiro do Sul, entre outras que ainda entrarão em processo de licitação.

O Ministério do Trabalho divulgou dados referente ao mês de junho do Cadastro-Geral de Empregados e Desempregados (Caged), e, conforme a publicação, o emprego no Acre continua em crescimento, tendo ofertado 967 novas vagas com carteira assinada.

Continuar lendo

ACRE

Gladson decreta ponto facultativo nesta sexta-feira, 6 agosto, Dia da Revolução Acreana

Publicado

em

Por

Agência AC

Em comemoração aos 119 anos da Revolução Acreana, celebrado nesta sexta, 6, o governo do Estado do Acre decreta ponto facultativo, por meio do decreto nº 7.613, de 31 de dezembro de 2020, que dispõe sobre feriados e pontos facultativos no calendário anual de 2021.

Nas unidades de Saúde do Estado, incluindo os serviços de atendimento médico especializado, serviços de apoio diagnóstico, de internação, centros cirúrgicos, UTIs e central de agendamento de cirurgias, os atendimentos não sofrerão alteração. Ficam os secretários de Estado e as demais autoridades administrativas públicas autorizados a convocar seus servidores por necessidade do serviço, dispensando da respectiva compensação os servidores que cumprirem horário nesse período.

As agências bancárias irão funcionar normalmente nessa sexta-feira.

Acre festeja 119 anos do início da Revolução Acreana

Motivo de orgulho e festa para os acreanos, o dia 6 de agosto marca o início da Revolução Acreana. Foi nesse dia, no ano de 1902, que o gaúcho Plácido de Castro começou a terceira tentativa de tornar o Acre um território independente. Estrategicamente, a data foi escolhida por ele, pois foi o mesmo dia em que a Bolívia comemora sua libertação do domínio espanhol.

Em comemoração aos 119 anos da Revolução Acreana, celebrado nesse dia 6 de agosto, o governo do Estado do Acre decreta ponto facultativo (Foto de arquivo histórico)

Plácido de Castro já havia lutado na Revolução Federalista, no Rio Grande do Sul, e estava no Acre como agrimensor. Quando iniciou sua luta pelo estado acreano, o gaúcho de 26 anos fez história com a seguinte frase: “Não é festa, é revolução!”.

O palco do começo da revolução foi o bairro Seis de Agosto, em Rio Branco, que também comemora seus 117 anos.

Apesar de a Revolução Acreana ser comemorada no dia 6 de agosto, a luta pelo território acreano e para torná-lo independente da Bolívia começou muito antes. A ocupação por brasileiros em terras acreanas, antes pertencentes à Bolívia, iniciou-se em meados de 1880. Logo, a quantidade de pessoas vindas de vários lugares do país alertou o governo boliviano.

O palco do começo da revolução foi o bairro 6 de agosto que também comemora seus 117 anos de criação em Rio Branco (Foto de arquivo histórico)

A Revolução Acreana começou de fato quando a Bolívia, no ano de 1899, estabeleceu-se no Acre e passou a cobrar impostos da borracha. A partir daí, começou a revolta brasileira.

Os combates duraram seis meses e terminaram em janeiro de 1903, com a assinatura do Tratado de Petrópolis, por meio do qual o Acre passou a ser reconhecido como parte do Brasil.

Continuar lendo

ACRE

Jornalista do Acre ganha medalha de bronze em prêmio internacional de fotografia

Publicado

em

Por

O jornalista acreano Marcos Vicentti, já muito premiado aqui no Brasil, acaba de ganhar um prêmio internacional. A foto ficou em terceiro lugar na categoria Imagem Destacada/Cena de Rua. A imagem é icônica: uma deficiente passa diante de uma “tropa” de manequins, todos cheios de pernas.

CONHEÇA O PRÊMIO INTERNACIONAL

Continuar lendo

Trending

www.acrenews.com.br é uma publicação da Acrenews Comunicação

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Endereço: Área rural, 204, Setor Barro Vermelho - CEP 69.923-899

Os artigos assinados não expressam a opinião deste site.

contato@acrenews.com.br

Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Engenharia e Tecnologia