Connect with us

ACRE

Fernanda Hassem muda o conceito de política no Alto Acre e passa a ser a vice dos sonhos de quase todo candidatos a governador em 2022

Publicado

em

Evandro Cordeiro

A prefeita reeleita de Brasiléia, Fernanda Hassem (PT), fez, na semana passada, o lançamento do ano letivo em seu município, no centro cultural Sebastião Dantas, para uma plateia bem reduzida, por razões sanitárias decorrentes da pandemia do coronavirus. Mesmo assim conduziu uma cerimônia charmosa, com muitos atos, e fez um discurso cujo conteúdo parecia ser para espectadores de um estádio. Falou alto, reduziu o tom, se emocionou, e terminou por arrancar sonoro aplauso ao afirmar estar tão empolgada para esse segundo mandato, recém-inciado, quanto quando assumiu o primeiro, em 2017.

Ela parece ter incorporado, em definitivo, a condição de política emergente, embora não aprecie esses títulos. Tudo por pura modesta, uma vez que, ao se reeleger folgadamente, Fernanda passa a ser, naturalmente, uma espécie de liderança política exponencial daquela região onde estão situados os municípios de Brasiléia, Epitaciolândia, Assis Brasil e Xapuri, o chamado Alto Acre.
Fernanda de Souza Hassem, aos 39 anos de idade, é um dos poucos nomes surgidos na política recente do Acre capaz de preencher requisitos raros na política, como ter alta capacidade administrativa e popularidade.

O que se seguiu após ela se eleger em 2016 pôde comprovar a gestora diferenciada existente nela. Para se ter ideia, herdou um município destruído. Além de problemas de gestão, que resultaram inclusive em cadeia para seus antecessores, Brasiléia havia sido varrida por uma intempérie natural. Uma das maiores enchentes da história, ocorrida em 2015, transformou a parte baixa da cidade em um cenário de guerra. Ao sentar na cadeira de prefeito, ela descobriu algo mais. Existiam problemas de toda ordem. Ao invés de reclamar, montou a equipe e convocou seus munícipes para um sacrifício. “Foi rápido e nem doeu muito aquele sacrifício”, diz o irmão dela, Tadeu Hassem, uma espécie de esteio de suas gestões. Em menos de dois anos o panorama já era outro.


Com Brasiléia recuperada fisicamente, suas ruas e prédios públicos e privados outra vez coloridos, a autoestima dos moradores gradativamente recuperada, era hora de cuidar das contas. A essa altura, o município era totalmente inadimplente. Com outro esforço concentrado foi questão de tempo para o CNPJ da prefeitura entrar no azul e passar a ser apto para receber investimentos de Brasília. “Esse foi um momento importante para quem pensava em grandes investimentos”, diz a prefeita, que procurou também socorro da parte do governador Gladson Cameli, o que garantiu excelentes resultados, segundo ela, que cita o asfaltamento, finalmente, da avenida Marinho Monte, ocorrido como resultado dessa parceria, entre tantas outras realizações.

REALIZAÇÕES

Com as contas em dia, a prefeita Fernanda Hassem partiu para as realizações. No setor de obras, reabriu mais de mil quilômetros de ramais, adquiriu uma nova frota de maquinas pesadas, reconstruiu pontes e revitalizou totalmente o centro velho de Brasiléia. Na educação implantou o piso nacional do magistério, capacitou professores, recuperou fisicamente toda a rede escolar, ganhou nota máxima no IDEB, complementou a merenda escolar, e terminou campeã do prêmio nacional gestão escolar. Tem uma gama de outros feitos nos mais diversos setores, como a melhora da relação com a Câmara de Vereadores.


O sucesso na gestão foi fundamental para a reeleição. Com 49,46%, Fernanda bateu adversários fortes como a ex-prefeita e ex-deputada Leila Galvão, que disputou pelo MDB. Além da reeleição ela se cacifa para ostentar o título de liderança regional, certamente pelo conjunto da obra.


Tanto sucesso, não deu outra. Fernanda Hassem é a cereja do bolo de todo cidadão que sonha disputar o governo em 2022. Já foi convidada por quase todos para compor como vice, além da promessa de ser a cabeça de chapa onde quiser disputar para deputado federal. Econômica em relação a esse assunto, disse ao Acrenews apenas que, de fato, o Alto Acre já merece estar representado numa chapa majoritária, uma bela deixa para os empreendedores da política. Mas a fala dela não passa disso. Acha que é melhor esperar mais um pouco para falar em eleição e usa o argumento de todos: é momento de cuidar das pessoas, afetadas pela pandemia. Até pela modesta, esse furacão provavelmente não vai virar uma brisa jamais. É só esperar 2022 para ver isso.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

ACRE

Motociclista que escorregou em canaleta de posto de gasolina deve ser indenizado em R$ 7 mil

Publicado

em

Por

Um motociclista que escorregou em canaleta de posto de gasolina deve receber R$7.637,50 de indenização por danos morais e estéticos. Na sentença da 5ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco foi considerado que o motorista teve parte da responsabilidade pelo acidente e ainda que o autor recebeu o seguro DPVAT (Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vida Terrestre).

O autor relatou que, em 2015, ao sair do posto de gasolina sofreu um acidente, quando passou com sua motocicleta por uma canaleta, escorreu e caiu, fraturando o cotovelo esquerdo. Mas, por causa de problemas cardíacos só pode fazer a cirurgia um mês depois, por isso, ficou com sequela definitiva e limitações do movimento. Ele disse que precisou fazer empréstimos para pagar as contas, pois ficou afastado do trabalho.

Ao debruçar-se sobre caso, a juíza de Direito Olívia Ribeiro, titular da unidade judiciária, discorreu sobre a comprovação dos danos estéticos sofridos pelo autor. “Em depoimento colhido em audiência, o autor relatou as dores e as dificuldades enfrentadas pela limitação dos movimentos, mesmo após longo lapso temporal desde o acidente. A limitação dos movimentos restou confirmada pela perícia médica, atestando os danos à personalidade do autor”.

A magistrada pode constatar que as grades de proteção foram providenciadas depois do acidente do autor. “Neste ponto, destaco que, em audiência de instrução, quando ouvido o represente da parte demandada, restou claro que a sinalização do local (para evitar acidentes) e as grades de proteção somente foram providenciadas após o acidente”.

Culpa concorrente

Contudo, a magistrada verificou que a conduta do motociclista contribuiu para o acidente, utilizando um caminho diferente do mais adequado para sair do estabelecimento.

“(…) observo que as canaletas são obrigatórias pela legislação e são visíveis a qualquer cidadão que ali transita. E, conforme restou assentado nos depoimentos da parte autora, do representante legal da empresa requerida e da testemunha (ouvida como informante), o autor utilizou caminho diverso domais adequado para a saída do estabelecimento (nos termos do depoimento da parte autora, utilizou-se de “desvio”). Logo, tivesse se utilizado do fluxo normal de veículos poderia evitar o acidente”, registrou Ribeiro.

Dessa forma, a magistrada fixou a indenização em danos morais e estéticos no valor de R$ 10 mil. Mas, como o autor recebeu R$ 2.362,50, do seguro DPVAT, o montante foi estabelecido nos R$ 7 mil.

Pedido negado

Além disso, o pedido de indenização por danos materiais também foi negado. Conforme, Olívia verificou, os empréstimos contraídos pelo motorista foram feitos antes do acidente. A juíza também explicou que o autor não apresentou comprovações dos rendimentos para mostrar os valores que deixou de receber com o afastamento do trabalho.

“Em análise do depoimento do autor foi possível identificar que os empréstimos foram contraídos para fazer frente às despesas que o autor tinha contraído antes do acidente e que o benefício do INSS não conseguiu cobrir”, anotou a magistrada

Continue lendo

ACRE

MPF/AC divulga lista de candidatos, data e local da prova para estágio em Rio Branco

Publicado

em

Por

O Ministério Público Federal no Acre divulgou nesta terça-feira, 9, o Edital nº 20/2022 com o local de prova e a lista dos candidatos habilitados a participarem do 1º Processo Seletivo Público de 2022 para preenchimento de vagas e formação de cadastro de reserva de estágio de nível superior e de pós-graduação em Direito em Rio Branco.

As provas objetivas e discursivas serão realizadas dia 14 de agosto, das 8h às 12 h ( horário local). Os candidatos que disputarão as vagas em Rio Branco realizarão as provas na Universidade Federal do Acre (Ufac), nos blocos Wanderley Dantas e Jorge Kalume .

Os candidatos deverão apresentar-se no local das provas com antecedência mínima de 30 minutos munidos do comprovante de inscrição, documento de identificação com foto e caneta esferográfica de tinta azul ou preta e usando máscara, seguindo recomendação da Ufac nos locais abertos e fechados do campus.

Mais informações poderão ser obtidas pelo telefone (68) 3214 – 1414, no endereço eletrônico prac-nugep@mpf.mp.br ou no site www.mpf.mp.br/ac/estagie-conosco.

Confira aqui a lista completa dos candidatos habilitados

Assessoria de Comunicação MPF/AC

Continue lendo

ACRE

Acre é líder em excelência no uso de recursos públicos na Região Norte, avalia Painel de Indicadores +Brasil

Publicado

em

Por

Na mais atual avaliação do Índice de Desempenho na Gestão das Transferências Discricionárias e Legais da União (IDTRU-DL), o Acre se destacou, assumindo a primeira posição entre os sete estados da Região Norte, com 72,85 pontos. Além disso, ficou na quinta posição nacional, entre os 27 estados da federação.

O Ministério da Economia, por meio do Painel de Indicadores vinculado à Plataforma +Brasil, faz o acompanhamento contínuo do desempenho dos recebedores de recursos federais, utilizando o IDTRU-DL, que avalia a qualidade da gestão dos processos de proposição, execução e prestação de contas dos instrumentos operacionalizados na Plataforma +Brasil. O IDTRU-DL possui 12 critérios, que abrangem percentuais de sucesso das propostas, celeridade na execução financeira, desempenho em custos e prazos, entre outros aspectos.

“O desempenho acreano está acima da média nacional (68,70), o que demonstra que estamos na direção certa, produzindo resultados com base no compromisso e responsabilidade na captação e execução de recursos”, afirma Ricardo Brandão, secretário de Estado de Planejamento e Gestão.

Ainda na Região Norte, na segunda colocação aparece Roraima, com 72,75 pontos, seguido pelo Amapá, com 71,63 pontos.

O link para acesso ao painel é: https://clusterqap2.economia.gov.br/extensions/painel-indicadores/painel-indicadores.html.

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Soluções Tecnológicas