Connect with us

SAÚDE

No Acre, campanha de vacinação contra Covid-19 já aplicou 436.736 doses

Publicado

em

Agência AC

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), não tem medido esforços para frear a disseminação do novo coronavírus e evitar que mais vidas sejam perdidas. Por isso, ações e mutirões de vacinação são realizados, aplicando a almejada “dose de esperança”, a vacina contra a Covid-19.

Acre completa seis meses de campanha de vacinação contra a Covid-19. Foto: Júnior Aguiar/Secom

Neste domingo, 18, o Acre completou seis meses de campanha de vacinação contra a Covid-19. Até o momento, o Estado, por meio das equipes do Programa Nacional de Imunização (PNI), já aplicou 436.736, sendo 325.651 primeiras doses e 111.085 segundas doses.

“Ontem fizemos seis meses desde o início da vacinação contra a Covid-19, e mais de 400 mil pessoas já foram vacinadas. Então, peço a colaboração de todos vocês para que consigamos cada vez mais avançar com a imunização. Pedimos também que não haja a escolha de vacinas, que procurem os postos para que consigamos vencer a pandemia”, destacou a secretária de Estado de Saúde do Acre, Paula Mariano.

Além das ações voltadas exclusivamente para a campanha de vacinação, o programa Saúde Itinerante também realiza a aplicação da vacina contra a Covid-19, de acordo com o cronograma do município que recebe a ação.

Nesta semana o Acre deve receber mais de 110 mil doses de vacinas contra a Covid-19. Foto: Odair Leal/Secom/Arquivo

Em Rio Branco, o governo do Estado, por meio da Sesacre, também realizou mutirões para a aplicação de segundas e primeiras doses, com o objetivo de contribuir para o avanço da imunização na capital. As ações foram realizadas em importante parceria com o Município.

Maria das Dores Magalhães, servidora aposentada do Estado, foi uma das pessoas vacinadas em um dos mutirões realizados pelo governo do Estado, em parceria com a prefeitura da capital. Ela estava acompanhada de sua neta Isabelle Araújo, de 3 anos.

“Com as informações divulgadas nas mídias sobre esse ponto de vacinação eu vi muita gente indo se vacinar, então eu me animei, peguei a neném, fui dar um passeio na praça e acabei me vacinando”, contou Maria das Dores  Magalhães.

“Fui dar um passeio na praça e acabei me vacinando”, contou Maria das Dores Magalhães. Foto: Cedida

Nas localidades de difícil acesso, equipes de vacinação realizam caravanas para atingir o público que não consegue se deslocar facilmente aos grandes centros em busca de uma unidade de saúde. Faça sol ou chuva, servidores aguerridos enfrentam os obstáculos de logística e geografia para chegar a todas as camadas da população.

Também, por meio da Operação Gota, realizada pelo governo federal, por meio da Força Aérea Brasileira (FAB), as localidades interioranas também receberam doses da vacina contra a Covid-19, que viajam inclusive no típico transporte das comunidades ribeirinhas, a canoa.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SAÚDE

Gladson manda suspender exigência de carreira de vacinação e teste de Covid em aeroportos do Acre

Publicado

em

Por

O Governo do Estado voltou atrás e decidiu que não vai mais exigir carteira de vacinação e teste contra Covid-19 dos viajantes nos aeroportos do Acre.

A informação foi dada à nossa reportagem pela porta-voz do Governo, Mirla Miranda.

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) estava elaborando o plano com a exigência, a partir de uma determinação do governador Gladson Cameli.

“Optamos por suspender a medida, mas o plano foi entregue pela secretaria. O governador pensou nessa exigência como uma forma de evitar a proliferação do vírus e o avanço da variante Delta”, destacou Miranda.

Mirla explicou que os problemas jurídicos enfrentados por outros Estados que adotaram a medida foram os fatores considerados pelo Governo do Acre para a decisão sobre a suspensão.

“As outras unidades que adotaram a medida enfrentaram problemas jurídicos consideráveis e, por isso, preferimos evitá-los por aqui”, finalizou.

Em agosto desse ano, a justiça federal atendeu a um pedido do governo do Ceará e determinou que viajantes com destino ao Ceará comprovassem que estão vacinados completamente contra a Covid-19 (com duas doses ou dose única) ou apresentem realização de teste negativo para detecção do coronavírus, feito em até 72 horas antes do voo.

Com informações ContilNet.

Continue lendo

SAÚDE

Acre decide continuar vacinando jovens mesmo após MS recomendar apenas casos de comorbidades

Publicado

em

Por

Por Wanglézio Braga / Foto: Reprodução

Uma nota técnica do Ministério da Saúde (MS) publicada nesta semana recomenda a imunização contra a Covid-19 apenas em adolescentes portadores de deficiências, com comorbidades ou doenças crônicas e privados de liberdade.

O assunto pegou muitos estados de surpresa a ponto de suspenderem a vacinação de criança e adolescentes. Outros resolveram não adotar a medida. Acre é uma das unidades da federação que continuará vacinando, normalmente, esse público.

A confirmação da continuação da imunização de pessoas acima de 12 anos com e sem comorbidades partiu da assessoria de imprensa da Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre), após contato da reportagem do Acre News.

Até ontem (16), inúmeros veículos de imprensa do país noticiaram que o Acre, Alagoas, Amapá, Pará, Paraná, Rondônia, Roraima e Sergipe não haviam feito alguma manifestação sobre a nota técnica do MS.

Hoje (17), pelo menos 14 estados brasileiros decidiram manter a campanha de vacinação contra a covid-19 para adolescentes entre 12 e 17 anos sem comorbidades.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) publicou nota manifestando seu posicionamento contrário à medida do MS e a fala do ministro da autarquia sobre o assunto.

Continue lendo

SAÚDE

Covid-19: Acre segue estável no número de infecções descobertos via testes de farmácia

Publicado

em

Por

Por Wanglézio Braga / Foto: Reprodução

Considerado uma alternativa para quem não quer aferir infecção por Covid-19 na rede pública de Saúde, os testes de farmácia seguem sendo realizados nas lojas do país. Hoje (16) a Abrafarma, associação das farmácias do país, divulgou um levantamento sobre o número de resultados positivos para a doença por meio de testes rápidos.

A entidade diz que os resultados positivos seguem em queda, assim como também a realização de novos exames, sendo considerado “o menor patamar deste ano”.

Nos exames, que podem avaliar antígenos ou anticorpos, foram detectados cerca de 25,3 mil casos da doença no período, quantidade registrada pela última vez no final de 2020. Os dados colhidos dizem respeito a 30 de agosto e 5 de setembro.

Acre e Paraná mantêm-se estável no número de casos descobertos por meio de testes. Os estados de Amazonas, Mato Grosso do Sul, Paraíba e Roraima tiveram alta nos resultados positivos na comparação com a semana anterior. Os registros apontam queda em todos os outros estados.

A Abrafarma lembra que “todos os testes rápidos das farmácias possuem registro na Anvisa e são realizados por farmacêuticos treinados, que seguem um rígido protocolo para garantir a segurança e confiabilidade dos

Continue lendo

Trending

O Portal AcreNews é uma publicação de AcreNews Comunicação e Publicidade

Editor-chefe: Evandro Cordeiro

Contato: siteacrenews@gmail.com

Área rural 204, Barro Vermelho - Rio Branco

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Os artigos assinados não traduzem, necessariamente, a opinião deste jornal



Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Engenharia e Tecnologia