Connect with us

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Oposição tentou de tudo, mas “Auxilio do Bem” terminou aprovado na Assembléia Legislativa

Publicado

em

O governo do Acre teve o seu projeto de transferência de renda para famílias em vulnerabilidade social, o cartão Auxílio do Bem, aprovado pela Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), nesta quarta, 14, por unanimidade. Assim, por três meses, inicialmente, as pessoas que estão em dificuldade econômica, devido aos desdobramentos da pandemia de Covid-19, poderão receber o valor de 150 reais.

A fonte de recursos é um empréstimo junto ao Banco Internacional de Reconstrução e Desenvolvimento (Bird), de R$ 9,5 milhões, e o objetivo é que a ajuda chegue a 18.880 famílias consideradas invisíveis do ponto de vista social. A distribuição será feita aos municípios em proporção aos contingentes populacionais.

Projeto foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), nesta quarta, 14, por unanimidade. Foto: Agência Aleac

Antes da sessão plenária da Aleac, os secretários Ricardo Brandão, de Planejamento e Gestão (Seplag), e Ana Paula Lima, de Assistência Social (SEASDHM), e o procurador-geral da PGE, João Paulo Setti, esclareceram aos deputados da Comissão de Serviço Público os detalhes do programa.

“Os estudos do projeto foram iniciados no ano passado, por ordem do governador Gladson Cameli. Na sua tramitação na Aleac, foram feitos alguns questionamentos pelos parlamentares. Um deles diz respeito aos motivos de ter sido contratada uma empresa para operar o cartão antes da aprovação da lei. Quando aprovada a lei, os valores já irão imediatamente para os beneficiários, e, como é um sistema de cartão, era preciso licitar a empresa para cadastrar os fornecedores. Agora, fique claro que o Estado nada pagará para a Berlin Finance, que administrará o cartão. Será cobrada uma pequena taxa dos comerciantes, assim como acontece com qualquer cartão de crédito”, relatou o procurador.

Durante o processo de aprovação do Auxílio do Bem, diversos deputados estaduais se manifestaram. Foto: Agência Aleac.

“Havia dúvidas em relação aos critérios e quantas famílias seriam beneficiadas. Conseguimos esclarecer satisfatoriamente os deputados que fizeram o requerimento nos convocando, tanto que o programa foi aprovado em plenário por unanimidade. A Secretaria de Assistência Social irá executar o programa juntos às famílias e às prefeituras”, ponderou Ana Paula Lima.

Operacionalidade do Auxílio do Bem

Os beneficiários da ajuda do governo do Estado receberão um cartão e poderão comprar em estabelecimentos comerciais do estado, previamente cadastrados. Não poderão sacar dinheiro. Assim, os valores destinados irão entrar nos fluxos econômicos dos municípios, gerando movimento financeiro. Isso ajudará também os comerciantes acreanos, aumentando as suas vendas com o consumo alimentar proporcionado pelo cartão. A perspectiva é oferecer uma ajuda global a todos os estratos sociais depois das dificuldades enfrentados pela população durante a pandemia de Covid-19.

Reação do deputados

Durante o processo de aprovação do Auxílio do Bem, diversos deputados estaduais se manifestaram.

“A parte da oposição tenta passar que isso é algo ruim. Mas é um programa social que vai atender pessoas que não têm renda nenhuma. Sinto-me honrado em participar dessa votação e ajudar a construir esse projeto. Criticar faz parte do jogo político democrático, mas é preciso que haja um reconhecimento da abrangência do Auxílio do Bem”, destacou o deputado Gehlen Diniz (PP).

Já o deputado oposicionista Daniel Zen (PT) declarou que votaria favorável ao programa, depois dos esclarecimentos da equipe do governo: “Hoje estamos dando um passo importante para entender mais profundamente uma política de assistência social que vai além da distribuição de sacolões. Isso significa uma mudança de perspectiva para criarmos novos mecanismos de distribuição de renda, ressaltando que o Programa poderá e deverá ser ampliado e aperfeiçoado”.

O líder do governo, deputado Pedro Longo (PV), também salientou a importância da aprovação do programa. Concordou, ainda, que o sistema poderá ser ampliado. “Quando houver a promulgação da lei do programa, as pessoas poderão ser cadastradas e receberão imediatamente o auxílio. Também quero destacar que os critérios que beneficiam as famílias poderão ser ampliados. Agora, vale lembrar que os critérios foram determinados pelo banco [Bird]. Mas, se não encontrarem famílias suficientes nessas condições, o programa poderá será ampliado”, frisou.

Continuar lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POLÍCIA

Acrelândia: Batalhão Ambiental resgata filhote de Jaguatirica e prende 3 pessoas durante fiscalização

Publicado

em

Por

Ascom/PMAC

Durante uma missão de fiscalização ao desmatamento, no município de Acrelândia, os militares do Batalhão Ambiental foram abordados por um morador que queria lhes entregar um filhote de Jaguatirica (𝘓𝘦𝘰𝘱𝘢𝘳𝘥𝘶𝘴 𝘱𝘢𝘳𝘥𝘢𝘭𝘪𝘴).

O homem afirmou que o felino apareceu em sua propriedade dias atrás e desde lá o estaria alimentando, e que por isso o animal resolveu ficar na localidade. Sem saber o que fazer e temendo que crescesse e se tornasse perigoso, o morador aproveitou a presença da guarnição no local e entregou o animal aos policiais.

O pequeno felino da fauna amazônica foi trazido ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS), localizado no Parque Chico Mendes, em Rio Branco, e entregue aos cuidados especializados.

A ocorrência de desmatamento culminou na prisão de 03 pessoas e apreensão de 02 motosserras, correntes dentadas, galões de combustível, além de uma série de ferramentas. O material e os autores do delito foram apresentados na Delegacia de Polícia do município.

Continuar lendo

ACRE

Educandário Santa Margarida abre processo seletivo para Cuidadora

Publicado

em

Por

O Educandário Santa Margarida divulgou hoje através de sua página no Facebook processo seletivo para Cuidadora de Crianças.

Os interessados deverão entregar Curriculum na secretaria administrativa da instituição de 17 de junho 2021 à 07 de julho de 2021. O educandário fica localizado na R. Rio Grande do Sul, s/n, no bairro Preventório, telefone de contato (68) 3224-2828.

Continuar lendo

POLÍTICA

Aleac lança campanha reforçando uso de máscara e distanciamento

Publicado

em

Por

Agência Aleac

A pandemia do novo coronavírus ressaltou o papel fundamental da vacinação da população para a saúde pública e o enfrentamento de doenças, tendo sempre os cuidados necessários.

Neste sentido, a Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) lançou uma campanha reforçando o uso de máscara e distanciamento.

O presidente do Parlamento Acreano, deputado Nicolau Júnior (Progressistas), destacou a importância das campanhas de vacinação contra a Covid-19 e da mobilização de todas as instituições e da população em geral nesse propósito.

O parlamentar reitera ainda a importância de que cada pessoa, ao chegar sua vez no plano de vacinação contra a Covid-19, compareça e se vacine com as duas doses.

 “Durante as nossas sessões remotas os colegas deputados sempre reforçam a importância da vacina. Nós só vamos ter dias melhores quando tivermos uma ampla cobertura vacinal. Por isso é importante que a população continue tomando todos os cuidados, com o distanciamento, o isolamento, a máscara, o álcool em gel. O momento anda é de dificuldade e não podemos baixar a guarda”, enfatizou o progressista.

Para acelerar a imunização da população de Rio Branco contra a Covid-19 o governo do Acre vai entrar em ação e anunciou um mutirão em frente ao Palácio nesta quinta-feira (17). Serão 48 horas de vacinação para o público de 45 a 49 anos, a partir das 8h.

O objetivo, segundo o governo, é contribuir com o município para a aceleração do processo e atingir o quanto antes o ponto de “imunidade de rebanho”.

Para receber a vacina, o público em geral precisa levar um documento com foto ou cartão do SUS ou CPF. Na terça (15), o governo do Acre divulgou o site que as pessoas que não fazem parte dos grupos prioritários de 18 a 49 anos devem fazer um cadastro.

 A ação está mantida para ocorrer no ginásio do Sesi, no Bairro Manoel Julião, das 8h às 22h, no sábado (19) e no domingo (20). O público deve ser redefinido.

Além do Palácio Rio Branco, a vacina também será aplicada em dez Unidades de Referência de Atenção Primária (Uraps) da capital acreana e no drive-thru no antigo pátio do Detran-AC é aplicada a segunda dose do imunizante.

“O esforço incansável do governador Gladson Cameli e dos prefeitos para trazerem vacinas para o Acre é mais do que justificado, pois se trata do principal meio para combater a pandemia da Covid-19″, complementou Nicolau Júnior.

O primeiro secretário da Aleac, deputado Luiz Gonzaga (PSDB), pontua que apenas com a vacinação em massa é possível vislumbrar um retorno a uma rotina normal, com atividades muito importantes, como as aulas presenciais. “Essa imunização foi muito esperada. É preciso confiar na ciência! Vacinas salvam vidas!”, disse.

Continuar lendo

Trending

www.acrenews.com.br é uma publicação da Acrenews Comunicação

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Endereço: Área rural, 204, Setor Barro Vermelho - CEP 69.923-899

Os artigos assinados não expressam a opinião deste site.

contato@acrenews.com.br

Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Soluções Tecnológicas