Connect with us

POLÍCIA

Caso Maria Cecília: Policial Federal e a avó da criança serão interrogados nesta terça-feira

Publicado

em

Dois anos e um mês depois da morte da pequena Maria Cecília, de apenas dois meses de vida, o pai e a avó, que viraram réus, serão interrogados na Justiça. A audiência de instrução e julgamento será realizada nesta terça-feira, 27, por meio de vídeo conferencia na 2ª Vara do Tribunal do Júri.     

O policial federal Dheymerson Cavalcante Gracino dos Santos, e a mãe dele, Maria Gorete Cavalcante, são acusados pelos crimes de homicídio qualificado por motivo torpe, emprego de asfixia e recurso que dificultou a defesa da vítima.

A pequena Maria Cecília, que era filha do policial federal, morreu no dia 8 de março de 2019.

Na época, o laudo do Instituto Médico Legal apontou como causa da morte broncoaspiração, ou seja, insuficiência respiratória e obstrução das vias aéreas causadas pela quantidade excessiva de leite ingerido. A mãe da criança disse que o pai e a avó premeditaram a morte para não pagar a pensão alimentícia. Maria Cecília estava na companhia do policial federal, e da mãe dele, quando a bebe foi a óbito.

Além do interrogatório dos réus, serão ouvidas as testemunhas de acusação e defesa. A defesa de Dheymerson Cavalcante chegou a pedir o adiamento da audiência, já que a intenção do advogado era que a sessão ocorresse presencialmente, mas o recurso foi negado pelo Juiz Alesson Bráz.

Continuar lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POLÍCIA

Iapen divulga nome e nota sobre tentativa de fuga em massa no presídio

Publicado

em

Por

Antônio Carlos Siqueira da Silva Junior é o detento que conseguiu fugir do presídio na madruga desta terça-feira, 15. A confirmação foi feita pelo Instituto de Administração Penitenciária do Estado. O Iapen também divulgou nota sobre o caso.

Veja a nota:

Nota Pública

O Governo do Estado do Acre, por meio do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), vem a público informar que;

  1. Por volta das 3h20 desta terça-feira, 15, oito presos que cumpriam pena na cela 5 do pavilhão P do Complexo Penitenciário de Rio Branco tentaram fugir da unidade. Eles cavaram um buraco na parede da cela, por onde saíram;
  2. Dos oito presos, seis foram contidos de imediato e outros dois conseguiram alcançar a área externa ao presídio, utilizando cordas feitas com lençóis;
  3. Durante os procedimentos, disparos de alerta foram feitos e um dos dois detentos foi atingido, sendo então encaminhado ao Pronto-Socorro de Rio Branco, onde passou por cirurgia e já se encontra estável.
  4. Apenas o detento Antonio Carlos Siqueira da Silva Junior conseguiu empreender fuga e os policiais penais continuam as buscas na área de mata do entorno do presídio na tentativa de recapturá-lo.

Rio Branco – Acre, 15 de junho de 2021.

Arlenilson Cunha
Presidente do Iapen

Continuar lendo

INTERIOR

Bombeiros encontram corpo de adolescente que tentou cruzar rio Tarauacá a nado

Publicado

em

Por

O corpo do adolescente João Pedro de Sousa Leandro, de 17 anos, foi achado no final da manhã desta segunda-feira (14) por bombeiros de Tarauacá. O rapaz estava desaparecido desde a tarde desse domingo (13) quando tentou atravessar o Rio Tarauacá, interior do Acre, a nado.

Amigos do rapaz relataram que estavam nadando no manancial quando resolveram atravessar. Foi então que ao chegarem do outro lado, eles perceberam que o adolescente tinha sumido.

O cadáver de João Pedro foi achado no fundo do leito do rio, segundo o comando do Corpo de Bombeiros. “Estava próximo do local onde sumiu. O rio tem bastante galhos, mas foi achado no fundo do leito mesmo”, explicou o Corpo de Bombeiros de Tarauacá, tenente Jailton Figueiredo.

As equipes iniciaram as buscas logo após o acionamento. Ao chegar a noite, os trabalhos foram suspensos e retornaram na manhã desta segunda.

Adolescente morreu afogado no Rio Tarauacá e corpo foi achado nesta segunda-feira (14) — Foto: Arquivo pessoal

Com informações do G1.

Continuar lendo

POLÍCIA

Justiça decreta prisão preventiva de policiais penais que tentaram entrar com drogas e cartas no presídio

Publicado

em

Por

Os policiais penais Francisco Jeferson Gomes e Genildo Gabriel da Silva tiveram as prisões preventivas decretadas. A decisão foi do Juiz Alesson Bráz durante a audiência de custódia realizada no último sábado, no Fórum Criminal. Como os agentes de segurança foram indiciados por crimes diferentes, as audiências aconteceram separadas.

Francisco Jeferson, conhecido como o “o senhor das armas”, foi indiciado na sede da DENARC pelos crimes de tráfico de drogas, com causas de aumento, por ser servidor público e ter praticado o crime nas instalações do presídio. Enquanto Genildo Gabriel foi indiciado na DECCO por promover organização criminosa já que, segundo a polícia, ele levava informações de fora da cadeia para membros de uma facção.

Ao decretar a prisão de Francisco Jeferson, o juiz disse que “a conversão da prisão em flagrante em preventiva, faz-se necessária para a garantia da ordem pública”. O magistrado também levou em conta anotações e depósitos bancários encontrados na casa de Francisco Jeferson.

Em relação ao policial penal Genildo Gabriel, flagrado com cartões de memórias contendo informações de presos, drogas, cartas e bilhetes, o juiz relatou que “diante da gravidade concreta do crime e do comportamento reprovável do agente público, torna-se necessário, a decretação da medida cautelar”. O decretado Pedro Vinicius da Delegacia de Combate às Ações Criminosas Organizadas, A DECCO, disse que a investigação terá sequência.

Continuar lendo

Trending

www.acrenews.com.br é uma publicação da Acrenews Comunicação

CNPJ: 40.304.331/0001-30

Endereço: Área rural, 204, Setor Barro Vermelho - CEP 69.923-899

Os artigos assinados não expressam a opinião deste site.

contato@acrenews.com.br

Copyright © 2021 Acre News. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por STECON Soluções Tecnológicas